Olá pessoal, bem vindo a mais um GamerDivã nessa sexta! E nessa sessão de terapia intensiva colocamos um dos heróis mais cômicos do mundo de adventure games: Guybrush Threepwood!

Um sujeito comum que acordou um dia querendo ser pirata e parte em busca de uma jornada de perigos, amores e tesouros…. Ou será que não?

Venha debater com a gente uma das teorias mais encabeçadas no universo de Monkey Island: a imaginação de uma criança criativa. Cartazes? Encanametos? Máquina de refrigerante? E o mais important, macaco de três cabeças?

Então peguem suas espadas, ganhos e papagaios e ouçam já!

Atenção: Spoilers sobre os dois primeiros jogos!

Para enviar seu conteúdo, comentários, sugestões, críticas ou elogios mande um e-mail para contato@fenixdown.com.br.

Não esqueça de seguir nosso twitter @fenix_down, se inscrever no nosso canal no youtube, dar jóinha no vídeo, deixar um comentário e divulgar o vídeo!

E não para por aí não! Se você não tem tempo de assistir ao vídeo, mas está doido para ouvir a nossa opinião, preparamos uma versão em áudio da coluna!

Fernando X de Megaman X! Não de pornografia ou de Xuxa!

Facebook Twitter YouTube 

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*

19 Comentario(s)

  • Squallnathan 5 anos atrs

    Ainda não terminei Monkey Island (é um dos muitos jogos que parei pela metade), ainda não consegui passar da parte do navio. O vídeo me incentivou a terminar o jogo já que a animaçãozinha do final disse o que eu devo fazer. XD
    A coluna continua ótima, no aguardo pela parte 2 de Chrono.

  • mateusix 5 anos atrs

    Obrigado FERNANDÃO X
    Agora ou escutar com calma….porque AMO esse jogo e ngm me dá bola =(

  • mateusix 5 anos atrs

    A teoria do parque em que Guybrush é a mais válida mesmo, porque o jogo termina de um modo muito bizarro. e se você acredita na teoria sobre o Le Chuck não existir e tomar o corpo do irmão faz mais sentido ainda. Essa teoria sobre ele mentalizar Le Chcuk e ele se materializar no corpoeu só conheci hoje. Muito boa por sinal…não lembro se no cast do antigo NL vcs falaram sobre isso, vou ter que dar uma escutada.
    Ron Gilbert é um gênio, e eu iand anão joguei Maniac Mansaion…maaaas to sabendo que vai sair um remake (feito por fãs) do game, é de esperar.

    Não lembro como começa o Monkey 3, é ele num baldinho sobre a água meditando né? Não lembro mesmo se tem ligação direta com o final do Monkey 2, mas até acho que não.

    Em Off: É bom lembrar , pra galera que conhece o jogo só por cima mesmo, da versão HD dele que saiu para steam,live e PSN. TODOS precisam jogar esse game.
    Ah sim, mais em off ainda, agora vou ter que começar a jogar ele. vou comprar na PSN porque…aii cara, esse jogo é lindo MUE DUE.
    Belo Gamer Divã! Parabéns!

    • essa teoria sobre a imaginação materializar o le chuck também conehci a pouco tempo! gostei dela e ela fez sentido se encaixando tanto no jogo quanto em entrevistas do ron gilbert e companhia.

      o MI3 começa em um balde com o Guybrush falando que Le Chuck tinha colocado um feitiço nele pra ele acreditar q era uma criança em um parque de diversões, mais ou menos o q foi o final de MI2

    • OH Sim, as versões HD do 1º e 2º game são MUST BUY em quanquer coleção que se preze.

  • Assim que eu chegar em casa vou conferir, muito bom o tema, bons tempos dos point and clicks da Lucas Arts!

  • Sushi0 5 anos atrs

    Por mais que essa teoria do parque seja a que faz mais sentido e talvez seja exatamente o que o Ron Gilbert tinha pensado, mas não curti muito isso. =/

    Fernando , eu achei que esse gamerdivã ficou meio estranho, você já começou jogando tudo na cara, e acho ue fica melhor quando você apresenta com mais alguem ai ficar mais dinamico e parecendo que estão discutindo sobre o assunto. Mas ainda sim achei que ficou bom e me deu muita vontade de jogar novamente.

    • Concordo a respeito da teoria… Ela praticamente estraga toda a série. Aliás, eu odeio o final de MI2 falando que tudo não passou de um sonho. Principalmente porque MI3 é um dos meus preferidos, e o gancho que eles puxam da história, falando que aquele lance de Guybrush criança era uma ilusão (ou feitiço ou voodoo ou qualquer coisa dessas) é convinvente o suficiente pra manter a série viva pelo menos por mais um jogo.
      A bem da verdade não achei MI4 de todo mal, só a parte do Monkey Kombat que não desce.
      Já o Tales of Monkey Island eu comprei faz meses e nunca me animei o suficiente pra passar do primeiro episódio,

      Abraços a todos

    • não acho que estraga toda série, acho q coloca uma visão diferente nela.
      estamos tão acostumado a jogos serem aventuras épicas q quando vem alguma coisa com uma proposta mais normal ai n curtimos…
      só q tem mta coisa q poderia sair dali mantendo essa ilusão de criança, é uma pena terem descartado isso

      claro, se n tivesse nada disso e fosse apenas um jogo sobre um cara um tanto particular querendo ser um pirata tb seria mto bom! mas gosto do plot twist no final

      mas concordo tb q isso tira o ar de aventura épica, só n acho de todo mal

      • Sushi0 5 anos atrs

        Como fã de LOST eu aprendi a não jugar só pelo final e sim por toda a jornada que passamo. Esse final não diminiui o qual foda o jogo é.

      • mateusix 5 anos atrs

        Faz sentido a galera não gostar do final do MI2. Quando eu terminei na época também não caiu muito bem a ficha pra mim do que era aquilo, se bem que quando eu terminei tinha meus 16 anos. Depois, jogando tempos depois no SCUMM achei muito maneiro. Não digo que a idade da turma que joga faz sentido na escolha de gostar ou não do jogo, mas quero dizer que talvez perca mesmo esse ar de aventura que quem joga pela primeira vez tenha.

        Fernando, tu chegou a jogar toda a série ou só os 2 primeiros? O terceiro eu joguei bastante mas não terminei, o quarto eu mal joguei e o Tales só terminei o primeiro episódio, depois não me animei muito.

        • O Tales é ótimo Six. Pessoalmente não achei que ficou devendo ao original, como a galera fala. Tem tudo que havia na série clássica: puzzles nonsense, muito humor, personagens carismáticos (praticamente todos os personagens clássicos aparecem, além de novos como a carismática caça-piratas Morgan Lefey)…só não gostei muito dos gráficos e da jogabilidade praticamente focada no joystick. Destaque para o episódio 4, do julgamento de Guybrush, que é uma comédiaXD.

        • joguei todos menos o Tales of Monkey Island, n me amimei com ele tb

  • yogodoshi 5 anos atrs

    Agora já sei tudo do jogo \o/
    Só conhecia a série pelo podcast do nowloading.

  • Pessoalmente, acho essa teoria do "sonho no parque" vale tanto quanto a famosa teoria do sonho de Squall em FFVIII….ou seja, viagem total.^^
    Até porque após os créditos de MI2 HD a Elaine aparece dizendo que Guy Brush devia ter caido em algum feitiço de LeChuck e o início de MI 3 confirma isso. Além do mais, uma série tão nonsense como Mi não dá pra ficar levando muito a sério o enredo.XD
    Ah, não considero a nova versão episódica da Telltale (porque ninguém gosta dela?) como Spin Off, até porque dá uma continuação bem legal a série.

    • você já respondeu a própria dúvida: nos créditos de MI2 HD! Pq eles quiseram arrumar a cagada q foi n ter ligação entre o segundo e terceiro jogo da franquia!
      como eu disse, o terceiro não contou com a participação dos criadores de Monkey Island, então a Lucas Arts levou a história pra odne bem quis, não considero as versões em HD como verdadeiras

      não empolguei mto com a versão da Telltale, tlavez um dia eu jogue de verdade

  • Ah, Essa animação no final resumindo o jogo foi sensacional!^^