Vamos para mais um Tô Jogando aqui no Fênix Down! A coluna comunitária que precisa da sua ajuda.

Em mais uma semana de coluna colaborativa, Marcos Henrique Honorato, nosso editor de áudio dos vídeo reviews, fala um pouquinho sobre mais um jogo da franquia Sonic, The Hedgehog 4: Episode 1, para Xbox 360, PS3, Wii, Mobile e iPhone.

Agora leia atentamente, comente e se você escreve razoavelmente bem, não deixe de mandar sua colaboração para o Tô Jogando!

[gameinfo title=”Game Info” game_name=”Sonic The Hedgehog 4: Episode 1″ developers=”Sega” publishers=”Sega” platforms=”Xbox 360, PS3, Wii, iPhone, Mobile” genres=”Plataforma 2D, Side-scroller” release_date=”11/10/2011″]

Sonic foi um dos personagens mais icônicos do mundo dos games até meados da década de 90. Foi concebido pela SEGA para bater de frente com Mario, o mascote da Nintendo, e pode-se dizer que foi muito bem sucedido nessa tarefa durante algum tempo.

Quando a SEGA abandonou o mercado de hardware ao anunciar a morte prematura do Dreamcast e se tornou apenas mais uma softhouse no mercado, lançar novos jogos do Sonic virou uma rotina. Ele já virou espadachim, lobisomem, foi para as olimpíadas, deu umas pancadas no Mario em Smash Bros e por ai vai.

Mas a maioria desses jogos tem a sua qualidade questionada por grande parte dos fãs do personagem, que foi perdendo cada vez mais a identidade ao ponto de antigos jogadores passarem a desconsiderar qualquer lançamento da franquia. Mas a SEGA resolveu levar o ouriço de volta às origens e lançou Sonic The Hedgehog 4: Episode 1.

Com o sucesso arrasador da série New Super Mario Bros, ficou claro que as antigas mecânicas dos jogos de plataforma ainda tem espaço em época de alta definição. Atendendo ao pedido de inúmeros fãs, que desde Sonic & Knucles (último jogo da série “principal”, lançado para Mega Drive) clamam por um jogo fiel às características dos games originais, a SEGA fez um trabalho parecido em alguns aspectos com o feito pela Nintendo, atualizando o visual, mas mantendo a essência da jogabilidade.

Graficamente, o jogo é excepcional, dentro das suas características. Os cenários pré-renderizados lembram muito o trabalho feito na série Donkey Kong Country, logicamente com definição bem superior. Várias referências às fases clássicas dos jogos de 16-bit podem ser observadas. A primeira, por exemplo, lembra muito a Green Hill Zone de Sonic 1, enquanto a segunda remete a Casino Night Zone de Sonic 2.

Na parte sonora, todos os sons clássicos da série estão presentes, desde o barulho dos pulos até o tilintar das argolas. As músicas, além de boas, trazem consigo um sentimento de nostalgia ao soarem como se estivessem sendo processadas pelo chip de som do Mega Drive.

A jogabilidade é simples e eficiente, assim como nos jogos antigos. A única adição é o sistema de travamento, que permite que o Sonic atinja inimigos indicados com uma mira com uma espécie de air dash durante o pulo, recurso que torna ainda mais fluida a ação do jogo. As Chaos Emeralds também estão presentes no jogo, assim como as fases de bônus que devem ser vencidas para consegui-las, e lembram muito as fases de bônus do primeiro game da série.

Sonic 4 foi lançado para Wii, Xbox 360 e Playstation 3 exclusivamente para o serviço de download desses consoles. Talvez por esse motivo, foi fragmentado na forma de episódios, que além de servirem pra medir o impacto e a recepção por parte dos jogadores, pode potencializar os ganhos da SEGA, já que os jogos custam bem menos que as versões em mídia física, podendo assim alcançar uma quantidade maior de usuários. Um fato interessante é que a SEGA recolheu das lojas vários títulos recentes do Sonic que não foram muito bem recebidos pela crítica ou pelos jogadores, com a finalidade de tentar elevar o status da franquia, algo como uma tentativa de restaurar o padrão de qualidade que durante muito tempo ficou vinculado ao nome Sonic.

Finalizando, é um jogo recomendadíssimo, principalmente para quem é fã do personagem, e vem sendo bem avaliado pela crítica, marcando 82 pontos no Metacritic até o momento. Está custando em média R$ 25,00 de acordo com a cotação atual do dólar, e com certeza vale cada centavo investido.

Host do Last Hit, atração sobre League of Legends do Fênix Down. Videos, podcasts e futuramente muito mais.

Facebook Twitter 

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*

49 Comentario(s)

  • homerofeanor 5 anos atrs

    Bom apesar de não ter possuido um Mega Drive (eu tinha um Super Nintendo sempre joguei mais Mario do que Sonic) gosto muito do personagem e joguei os titulos clássicos através de emuladores e posteriormente adquiri o titulos pala Live. Sei que nos ultimos anos ele passou por poucas e boas nas mãos de seus produtores mais recentes. O ultimo jogo que eu realmente gostei do Sonic foi o Adventure para Dreamcast. E ultimamente a Sega esta tentando reviver a jogabilidade clássica dos jogos do ouriço azul, assim como o Nintendo fez com a franquia Donkey Kong. Esta "manobra" me agrada muito eu soó não concordo com este lance de ficar picotando o game em episódios. E também gostaria de saber se esses episódios do Sonic 4 não vão ficar muito parecidos com o Sonic Generations.

    • Sei lá, a sega parece meio desesperada. Atirando pra todos os lados. Lançou um episódio desse Sonic 4 e já vem com esse Generation, que como o Fernando relatou, realmente dá motion sickness.

      • nao concordo, eu curti bastante o generations
        mas concordo q a sega esta atirando par tudo o que é lado sim

        • Pode até ser um bom jogo, já que desliguei no inicio, quando corri com o Sonic me deu dor de cabeça.

        • Mas tem que admitir que eles acertaram um alvo ou dois, nem que seja de raspão…

          • Ah, sempre acerta né. Afinal a franquia tem muitos fãs, mta gente acaba comprando independente da qualidade.

      • thomaz 5 anos atrs

        A parada é que eu acredito que a Sega quis fazer uma coisa para comemorar os 20 anos, daí o Generations. Fora isso, apesar de ser muito curto, Sonic 4 episode 1 é muito bom.

        • Poisony 5 anos atrs

          Pois é. O Generations tá aí mais como uma comemoração do que era bom em 2D e 3D. O medo do pessoal é que a SEGA dê uma de Valve e nunca mais lance nenhum episódio pro formato episódico que ela mesma criou!

  • Anderson Destruidor 5 anos atrs

    Nâo gosto de Sonic plataforma, aliaz os jogos plataformas são injogaveis hoje em dia..simplesmente é uma tecnologia ultrapassada, somente pessoas muito pequenas ainda jogam estes jogos

    quero um Sonic nos moldes do Adventure 1 do DreamCast, sem corrimão….o dia que fizerem um Sonic igual aquele com amiguinhos descentes a franquia volta a vender

    • Não poderia discordar mais de você. Jogos de plataforma são totalmente jogáveis, inclusive, hoje em dia tem vários jogos bons nessa área: Outland, Brand, Limbo, Dishwash, Shadow Complex, entre outros. Claro, cada um dos que citei tem suas peculiaridades, mas são, em essência, jogos de plataforma.

      Obvio que cada um tem sua opinião, mas o injogável pra você é TOTALMENTE jogável pra mim e muitros outros jogadores.

    • po q isso, jogos de plataforma fizeram minha infancia e hj ainda estao com tudo
      veja braid, limbo, e dezenas de jogos de psn e live
      cara, sonic plataforma pra mim ainda é o melhor
      mas opinião é opinião =)

    • thomaz 5 anos atrs

      Este é o típico comentário: 3d e a internet são o futuro '-'

    • Nada a ver! Eu gosto de jogos de plataforma e tenho 1,80m!

      • Poisony 5 anos atrs

        Hahahaha, pronto, já desmente que só pessoas pequenas jogam plataforma 2D.

    • Poisony 5 anos atrs

      Não sei qual opinião sua é mais impopular:

      – dizer que jogos plataformas são injogáveis hoje em dia;
      – dizer que somente pessoas muito pequenas (anões estão inclusos?) jogam esses jogos;
      – dizer que a franquia volta a vender quando tiver um Sonic "igual aquele com amiguinhos descentes".

      Eu aposto na terceira. Sonic nunca teve amiguinhos descentes. Nem decentes. A Rogue, aliás, é bem indecente.

    • Anderson Destruidor 5 anos atrs

      Vocês estão sendo saudosistas, coloque um jogo de plataforma para uma criança jogar, ela não aguenta 2 minutos…não existe espaço para uma jogabilidade tão sem sentido

      Falar que limbo é bom é querer fingir que é intelectual, o jogo é ruim e ninguem tem coragem de admitir

      veja as fazes do Sonic, foram feitas exatamente para as habilidades dele, quero ver ele no mundo normal utilizando de suas habilidades em lugares comuns como no Adventure 1

      Sonic tem 2 excelentes amigos Tails e Knuckles, todos os outros são grandes piadas, Shadow é o pior anti-heroi da historia do entretenimento…Knuckles nã pode ficar limitado a procurar objetos ele é muito maior que isso

      A serie tem que ser baseada no Adventure 1, essa é a unica salvação

      • Poisony 5 anos atrs

        Porra, isso vai ficar grande. Tá com tempo? Vamos lá:

        – Eu tenho um sobrinho de 5 anos, e eu coloco jogos de plataforma dos que eu tenho pra ele jogar (Mega Man X, Mega Man 8, Super Mario World, New Super Mario Bros) bem como joguinhos plataforma 2D em flash no PC (tem muuuuuitos) e ele fica por horas vidrado no jogo, já que ele já pega o conceito básico da jogabilidade deles: derrotar inimigos, não morrer e chegar no final. Com isso, teu primeiro parágrafo não passa de especulação.

        – O comentário de Limbo é dispensável, já que parte de um preconceito de que todo mundo que fala que Limbo é bom está querendo pagar de intelectual, o que não corresponde à verdade. Pessoas falam que tal jogo é bom dizem isso porque gostaram ou identificaram coisas positivas nele.

        – Surpreende-me você gostar exatamente de querer ver Sonic usando suas habilidades no MUNDO NORMAL Falo sem maldade, é uma opinião rara. Mesmo quem adora Sonic Adventure não defenderia com tanto fervor o Sonic num mundo de seres humanos e tal.

        – Espera aí, não foi no Adventure 1 que tinha o Big the Cat?

        – Concordo que o Adventure 1 é um bom ponto pra se fazer um jogo de Sonic legal, mas peço que jogue o jogo de novo e veja tudo o que ele oferece de ruim: mundo aberto mal utilizado, npcs irritantes, diálogos intermináveis, história fraca… querer isso de novo é suicídio comercial.

      • Limbo não pode ser comparado com Sonic. Limbo é um jogo de plataforma com movimentação mais realista ao estilo Prince of Persia ou Out of This World.
        Entre os jogos de plataforma modernos Sonic pode ser melhor comparado com Braid (apesar de que esse é mais da veia Mario) ou Super Meat Boy. E, opiniões pessoais a parte, precisa estar em muita negação pra querer dizer que qualquer um desses é ruim — são ótimos jogos. Bota a sua "criança exemplo" pra jogar Super Meat Boy. O moleque não vai largar o controle por horas!

        Acredito que o problema aqui é que você simplesmente não gosta de jogos de plataforma. O estilo é bastante abrangente com ramificações como os já mencionados jogos estilo Prince of Persia e os jogos de aventura e exploração como Metroid, Shadow Complex ou Outland, sem contar os shooters 2D como Megaman.
        A vantagem do formato, mesmo hoje em dia, é que ele é barato e limita possibilidades tornando a experiência mais controlada enquanto dá uma sensação de liberdade e dinamismo ao jogador.

        Sobre o Sonic, acho que o mascote tem o reconhecimento de marca que ele merece e uma legião de fãs que não é a mesma que ele tinha em 92. Ele não precise de uma "salvação", só de uma equipe de direção e desenvolvimento que saiba o que está fazendo.

        • Poisony 5 anos atrs

          Pô, Gaspar, Super Meat Boy eu posso dizer que não rola isso. A dificuldade frustra a criança e ela já vai querer jogar outra coisa, hahahaha. Foi um exemplo infeliz.

          • Isso depende muito da idade da criança que você seques- … trouxe pra jogar.

            Zueiras aparte, nunca testei com Super Meat Boy, verdade. Mas meu sobrinho de 8 anos curtiu muito jogar platformers como Sonic e Gunstar Heroes no emulador.
            Eu queria mostrar pra ele uns jogos clássicos. Imagina se o primeiro jogo da vida dele fosse um Halo — Eu nunca me perdoaria!

      • E você está entrando em contradição! Crianças são pessoas pequenas e você disse que pessoas pequenas gostam de jogos de plataforma 2D.

        • thomaz 5 anos atrs

          A menos que seja uma criança grande. Imagina se a estatura da criança for acima da estatura normal ?
          esse anderson pequeno provavelmente é um cara que só quer excrotizar -.-

  • Julinho-Rockman_kun 5 anos atrs

    Sempre gostei dos jogos do Sonic, principalmente o 2 do Mega Drive e os Adventures 1 e 2, depois disso só fui jogar o 4 no Wii,mas queria ter jogado os demais mesmo o pessoal comentando que não é bom.
    Não sei por que ao certo, mas quando joguei o 4 achei bacana e divertido, mas ao mesmo tempo senti como se tivesse comendo uma comida sem tempero sabe? Sei la, como se faltasse algo, achei bacana mas não me empolgou tanto como achei que iria, mas não deixa de ser um bom jogo!

    • Blashter 5 anos atrs

      Isso porque você estava com o gostinho bom dos ótimos jogos do Sonic, se tivesse com o gosto amargo dos Sonic (Unleashed,Secret Rings, Hedgehog, Dark Knight) esse episódio teria um gostinho muito melhor.

      • Poisony 5 anos atrs

        Nessa analogia de gostinho, ter jogado todos esses jogos 3D do Sonic no meio seria o equivalente a engolir BARRO.

  • nem li a coluna mas ja vou comentar, sonic é coisa fanboy velho, o pessoal mais novo não quer saber de sonic, agora vou ler a coluna dpois volto a comentar.

    • sonic definido em uma frase: "Regra dos 15 anos"

      • Julinho "Rockman-kun" 5 anos atrs

        Cara, discordo. Assim como Mario,Megaman e outros fazem sucesso até hoje, Sonic também tem tudo pra seguir, a SEGA pode vir errando,verdade, mas isso não quer dizer que só por que é Sonic então não presta.

        • Concordo. E gamer que se preza com certeza terminou o Sonic The Hedgehog 2, que é um daqueles jogos que são quase perfeitos. Uma das minhas únicas lamentações na época do SNES era não poder jogar esse game, só fui terminá-lo no PC quando saiu uma coletânea com os jogos da série.

          • Poisony 5 anos atrs

            Sou um gamer não-preza. Nunca tive mega drive e ainda não joguei nenhum Sonic do console até o final. Tenho que correr atrás.

        • thomaz 5 anos atrs

          amm… Megaman não faz, a capcom não gosta mais de gente como eu, que gosta de megaman -.- BUÁÁÁÁÁÁÁÁÁÁÁÁ!

      • Eu tô jogando AGORA num emulador o Sonic CD e discordo totalmente.

    • eu não vejo como um personagem que corre, corre, corre e pula pode se reinventar na jogabilidade sonic é isso, nada de bom ops (diferente) pode ser esperado com essa jogabilidade. daqui pouco vão querer um alex kid de volta.

      • Poisony 5 anos atrs

        Donkey Kong corre, corre e pula.
        Meat Boy corre, corre e pula.

        Acho que correr e pular são conceitos muito amplos (pô, é o básico de um protagonista de plataforma 2D) e que não serve desculpa para dizer que não dá pra se reinventar.

        • Fábio Guedes,25,DF 5 anos atrs

          Donkey Kong é um excelente jogo( pelo menos os tres de SNES), agora esse Super Meat Boy é coisa de fanboy de atari. Ô jagabilidadezinha ruim e arcaica, não sei porque fizeram tanto hype, acho que estavam com saudades da época de "jogos do capeta em forma de cartucho", vide CGC dessa semana.

          • Poisony 5 anos atrs

            Cara, é que pra jogar Super Meat Boy você precisa de uma coisa: precisa ser bom. Ninguém mandou ser ruim!

            Hahahaha, tá, brinks. Nunca tive Atari, mas a proposta do Super Meat Boy sempre foi essa, desde a versão em flash: trazer o 2D HARDCORE, o 2D difícil e desafiante. Mas entendo a galera que passa longe do jogo.

    • pronto acho que depois de ler esses ultimos comentarios mostra exatamente o que é sonic para mim , começou em sonic foi parar em super mear boy, pois é isso que o sonic significa para mim um jogo indie nada mais

      • Poisony 5 anos atrs

        Na boa, você sabe o que SIGNIFICA a palavra "indie"?

        Dica: você está usando errado.

        • poisony eu sei o que significa indie e sei que sonic não é, foi só uma um maneira de dizer que é um jogo que parece ser feito com poucos recursos tamanha mediocridade dos jogos sonic.

  • thomaz 5 anos atrs

    O 3d é o futuro, "Quem joga jogos plataformas são pessoas pequenas" – Anderson Pequeno
    Precisa comentar mais alguma coisa?
    Claro que sim!

    O Sonic Generations está a coisa má linda de Deus com o Sonic Senhor barriga baixinho, fora que foi bem trabalhado e, se os Deuses ajudarem, não um sistema de conversa com pessoas!!

  • Squallnathan 5 anos atrs

    Sonic 4 foi o único jogo desse geração que comprei no lançamento (precisamente no dia exato do lançamento). Joguei a demo e fiquei doido! Todas as boas lembranças da minha infância junto ao meu Master System e Mega Drive voltaram voando à minha memória.

    Sonic 4 está longe de ser perfeito e não é tão bom quanto os de Mega Drive. Achei ele fácil demais, principalmente porque o jogo tem um stage select habilitado desde o início do jogo. No mais, é como o Marcos disse, é recomendadíssimo.

  • Poisony 5 anos atrs

    Não joguei o Sonic 4: Episode 1 (A Ameaça Fantasma) ainda, mas não por falta de vontade, porque parece valer a pena. Me lembra o Sonic Rush e o Sonic Adventure, que são plataformas 2D muito boas. É da mesma desenvolvedora inclusive, a Dimps! Boa review, Marcos.

    Mas lanço aqui minha opinião: o fã de Sonic não sabe mais o que quer. Pois é (tá mais perdido que fã de Zelda). Se fazem uma parada nova reclamam de estar tosco e terem esquecido das origens. Se voltam pras origens, reclamam que não há nada de novo e que a época de um jogo estilo Sonic das antigas já se foi.

    Na boa, o que vocês QUEREM? Sem respostas furry, por favor.

    • Blashter 5 anos atrs

      Kra eu como fã de Sonic a única coisa que eu queria e que ele tivesse as suas fazes de corrida bem feitas só isso sem firulas, sem 1001010101215454 milhoes de amigos, estou muito ancioso pelo sonic generation a parte da corrida do sonic magrinho e muito boa.

    • Eu acho que o problema é que o Sonic tem dois tipos de fã… três se você contar os furrys.

  • Fábio Guedes,25,DF 5 anos atrs

    Estou acompanhando todos os episódios de cada colunas, todos mesmo, e fiqueis mal acostumado com a praticidade, pois são quase todos em vídeo. Pensei que o tô jogando fosse vídeo gaming play, mas me enganei. Ok, deixe-me ler então.

  • Eu joguei bastante a versão do wii, e como o ultimo chefe e difícil a sega apelou ai!

  • as pessoas são apaixonadas pelo sonic, e sabemos que pessoas apaixanadas não enxergam a razão.