Em ritmo de Carnaval começa mais uma edição da Hysteria, a sua coluna (agora quinzenal) de cultura gamer, pegue seu saquinho de confete/serpentina e vamos ler um livro… OH WAIT. Sim, vocês leram direitinho, caso você seja um dos meus, metaleiros que odeiam o Carnaval, resolvi copiar uma antiga campanha publicitária da “finada” MTV, e hoje irei indicar 3 livros que se não viraram games, serviram de musas inspiradoras de muita coisa que você já pôs os polegares.

Sem mais delongas, dê um tiro no falante tocando Michel Teló, pegue uma cerveja e deite na rede para desfrutar de uma ótima leitura no feriadão.


Título: O Nevoeiro (The Mist)
Autor: Stephen King
Lançamento: 1980
Sinopse: Após uma violenta tempestade de verão, o pintor David Drayton e seu filho, se dirigem ao mercado local para comprar provisões. Uma estranha e densa névoa começa a envolver a cidadezinha e dentro dela existe algo terrível, devorando tudo e à todos, corajosos (ou loucos) o suficiente para se aventurar pelo nevoeiro.
Contribuição: Além de ter inspirado Akira Yamaoka na criação de Silent Hill, o livro/conto de Stephen King, literalmente explodiu a cabeça do gordinho mais famoso da VALVE, sim, estamos falando de Gabe Newell. Sem soltar muitos spoilers sobre a trama, digamos que o jogo Half-Life inicialmente se chamaria Quiver (aljava em inglês), por causa do projeto do exército chamado de “Ponta de Flecha”. A história envolve portais para outras dimensões, criaturas extra-planares, algumas chegando a medir quilometros, e como não poderia faltar em todo livro do mestre, uma boa crítica ao fanatismo religioso. Além disso tudo, o livro ainda rendeu um bom filme adaptado por Frank Darabont.
Onde comprar: Tripulação de Esqueletos na SARAIVA


Título: Metro 2033
Autor: Dmitry Glukhovsky
Lançamento: 2005
Sinopse: A superfície é um lugar inóspito, você pode queimar com os raios solares, o ar é tóxico, a radiação ainda faz o ponteiro do radiômetro colar na lateral… isso tudo é banal perto das criaturas que agora dominam as ruas e prédios. Os sobreviventes de Moscou se limitam a habitar as estações de metrô, mesmo assim, certo como a bússola sempre aponta norte, a humanidade sempre consegue ser o seu pior nêmesis. Uma nova ordem fascista emerge das estações centrais, e uma raça desconhecida quer se apoderar de vez do que restou do planeta, os Dark Ones.
Contribuição: Além de ter sido um best seller russo (o livro foi traduzido para diversos idiomas, inclusive recentemente para o português BR), Metro 2033 se tornou um jogo em 2010, pelas mãos do estúdio ucraniano 4AGames e publicado pela THQ. Muito foi dito sobre a fraca I.A dos inimigos, ou de alguns bugs chatos, mas se você conseguir relevar esses defeitos, terá em mãos um jogo extremamente imersivo e tenso, chegando em alguns momentos a remeter ao grande Half-Life, pelo menos na minha opinião bostal.
Onde comprar: Metro 2033 na SARAIVA


Título: Day by Day Armageddon
Autor: J.L. Bourne
Lançamento: 2004
Sinopse: Inexplicavelmente, hordas de mortos-vivos começam a surgir e criar o caos no planeta… sob o diário de um “marine”, acompanhamos a luta pela sobrevivência num mundo onde não há mais governo, líderes e forças armadas…
Contribuição: Com certeza você notou que essa foi a sinopse mais curta da história, mas não se engane, atrás da cortina de simplicidade do plot, existe uma abordagem ao universo tão desgastado dos zumbis que surpreende até aos mais incrédulos. Talvez seja pelo fato do escritor J. L. Bourne ser um fuzileiro naval das tropas americanas, e de ter escrito o livro enquanto estava à serviço no Iraque. Imagine uma mistura de Call of Duty, Splinter Cell e Zumbis, voila, você tem uma das melhores coisas feitas sobre o tema, e olha que sou um fanático pelo assunto e já li muita coisa mesmo. O protagonista utiliza desde técnicas como sempre deixar uma bala faltando no pente para a arma não emperrar, ou entrar no chuveiro já com o shampoo na cabeça para racionar água. Esse sim é o guia definitivo de sobrevivência à zumbis, e não aquele livro do Max Brooks. A história será uma trilogia, sendo que a segunda parte “Beyond Exile” foi lançada em 2010, e o terceiro e último livro ainda está sendo escrito.
Onde comprar: Day by Day Armageddon na SARAIVA (Inglês)

Vou ficando por aqui, espero que tenham curtido as dicas, aproveitem o feriadão e até a próxima Hysteria.

Gamer de nascença, nerd tetudo de carteirinha e bêbado por opção.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*

35 Comentario(s)

  • Escolhido 4 anos atrs

    Cara, muito boa sua coluna, uma das que eu mais gosto aqui no FD. Já to indo atrás do "Day by Day Armageddon" =)

  • Porra, excelente coluna Márcio!

    Eu acho que não pego pra ler um livro desde o 5º da saga do Mochileiro das Galáxias, na época de seu lançamento em português – bota tempo aí.

    O Metro 2033 me interessou bastante! Lá pelo fim do mês devo me livrar de uma carga chata que está em cima de mim (tirar uma certificação da Microsoft, exigida pela empresa onde trabalho), posso aproveitar pra pegar pra lê-lo.

    PS: Pessoal do site, falta um pouco de destaque nas barras laterais para os colunistas de vocês, just sayin' it… As colunas são quase sempre muito boas, mas se perdem no outro material de vocês.

    • Grande Johnny (o Beberrão), Metro 2033 é um livrão, tanto de tamanho qto de qualidade, só não vai esperando tanta ação igual no jogo, o autor dosa bem a quantidade de tensão, misticismo e tiroteios.

      • Hahhahahahha! Maldita fama que vai me perseguir pelo resto da vida!
        Legal que você me conheceu na hora do almoço, todo coxinha, indo buscar a noiva no trabalho, e logo mais à noite me viu LITERALMENTE jogado na sarjeta (eu sei o significado da palavra literalmente). Bendito evento do Games on the Rocks!

        Mas então, eu nunca joguei o game, aliás um dos membros lá do Gamer Inconstante me "contra indicou" fortemente o game, de tal forma que nunca encostei nele, mesmo o vendo a preços ridículos no Steam.

        Eu curto muito o clima de desolação e introspecção de Fallout 3…. posso esperar algo assim?

  • Player #2 =[ 4 anos atrs

    Tu ja zerou o true lies?

  • pedrohenri 4 anos atrs

    Ótima coluna, parabéns!

    É a primeira vez que leio a coluna e não me arrependo. Acompanharei periodicamente.

    Estou Lendo uns 3 livros simultaneamente e um autor que sempre é uma boa escolha é Cornwell.

    • Só não leia Stephen King.

      • pedrohenri 4 anos atrs

        Eu estou com O Iluminado para ler aqui, mas ainda está na fila.

        Pq vc diz para não ler Stephen King?

    • Cornwell é espetacular, tenho uma cacetada de livros dele aqui em casa, o último que li foi Azincourt. Valeu e continue acompanhando a coluna Pedro.

      • Eu peguei gosto pela leitura mesmo, lendo Cornwell! Meus favoritos são as Crônicas Saxônicas…

        Hoje eu comprei o Festim dos Corvos do cara do Game of Thrones… to gostando dos livros, mas ainda prefiro As Crônicas de Arthur!

        • pedrohenri 4 anos atrs

          Cara, para mim as Crônicas de Arthur é a melhor saga do Cornwell.

  • Um livro que é legal também é o do Assassin's Creed! Se não me engano sai outro em Março!

  • Não há muito o que comentar sobre o tema, sei que a maioria dos que leram esta coluna vai passar o carnaval jogando Skyrim :D, mas você está de parabéns Márcio, tuas colunas estão cada vez melhores, espero ver mais colunas com o dueto GamesXLivros.
    Ah e não perco a segunda parte da jogatina de tru lies por nada.
    Abraços.

    • Opa, brigadão cara, semana que vem tem a segunda e última parte do True Lies, e pode deixar que esse tema GamesVsLivros vai voltar.

  • Eu tive que comprar o Metro 2033 por que sou cagão pra jogar (mesmo tendo ele aqui na steam, sempre tomo uns sustos tensos!), vou correr atrás dos livros do King e vou começar com esse. Sempre me interessei por The Mist (:

    To gostando muito dessa coluna, man! Continue ae o bom trabalho rs

  • killer-hd 4 anos atrs

    Eu estou lendo os livros do Skyrim, serve ?
    falando serio boa pedida em, um monte de livros bacanas, vou procurar versões digitais deles
    pra ler no iPad, é viciante (e comodo) demais isso !

    Abs

  • Muito boas as dicas.

    Primeira vez que leio essa coluna mas tive que comentar. Pra falar a verdade sou meio demorado para ler, por isso tenho aqui uns livros para passar na frente, mas gostei bastante do que vc escreveu de O Nevoeiro e Metro 2033. Com certeza vou comprar os 2 pra ler!

    Vlw!

  • Juliano 4 anos atrs

    Boa Márcio! Gostei muito da sua coluna!
    Na hora associei a campanha da "quase MTV" (MTV mesmo era no início quando passavam clipes e mais clipes)

    Primeira vez que li a coluna e vou acompanhar sempre!
    Adoro o site, mas é dificil acompanhar pois no trabalho os videos são bloqueados, em casa a velocidade da internet "bloqueia" os videos rs

    Recentemente, peguei gosto de novo na leitura.
    Totalmente influenciado pelo MRG, li "Sangue Quente" e atualmente estou lendo "Caminho da Liberdade" (foi adaptado em filme) e "A Cabana"

    Felizmente, temos acesso a tanto material de entretenimento que temos que escolher quais queremos consumir… são muitos jogos, filmes, livros que não da tempo de acompanhar.

  • Heitor Polidoro 4 anos atrs

    Boa idéia! Aliás, excelente! Eu vi o filme do Nevoeiro um dia desses, achei demais. Confesso que em certa altura eu assisti mais pela bizarrice e pra ver onde ia dar, mas o final é espetacular! Sem contar a estranheza de ter 3 atores do Walking Dead.

  • ogrokun 4 anos atrs

    Tenho que terminar de ler o Metro 2033 … parei nas ultimas paginas e não peguei no livro de novo a mais de um ano… mas é um livrasso!

  • Marco_Alves 4 anos atrs

    Deu vontade de ler o do Metro, Nevoeiro já li e é fodão mesmo! Boa coluna mano

  • A possibilidade de ganhar dinheiro com jogos online e real, existe muita gente no mundo ficando rica com diversão, o caminho e longo mas a vitoria e certa, se voce tem determinação para um projeto começe hoje a trabalhar nele, e futuramente voce tera os frutos a colher.