Olá pessoal e bem vindos a mais uma discussão pseudo-filosofal do GamerDivã! Dessa vez iremos falar sobre a influência de certos tipos de jogos no aprendizado de alunos!

Concentrando em 3 pilares: Jogos de puzzle, de resposta e cooperativo, analisamos o que cada um tem para contribuir para o estudante! Raciocínio lógico, reflexo e trabalho em equipe, como os jogos nos ensinam tudo isso?

Ouçam já e comentem!

Para enviar seu conteúdo, comentários, sugestões, críticas ou elogios mande um e-mail para contato@fenixdown.com.br.

Não esqueça de seguir nosso twitter @fenix_down, se inscrever no nosso canal no youtube, dar jóinha no vídeo, deixar um comentário e divulgar o vídeo!

Fernando X de Megaman X! Não de pornografia ou de Xuxa!

Facebook Twitter YouTube 

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*

15 Comentario(s)

  • Cara tem uns pontos interessantes. Mas outros que não concordo. Sobre o cooperativo , eu não acredito que ajude no trabalho em equipe. Normalmente as pessoas só seguem os comandos de um líder e não fazem mais nada. Apenas seguir a estratégia que ele bolou. Raramente o grupo se une para formar estratégia. Salvar um outro da morte curando-o não me diz nada sobre aprendizado em teamwork. Os de puzzle eu concordo, acho que ajudam no raciocínio lógico, mas os jogos mais antigos. Esses jogos de hj o cara já te da as dicas e quase passa de fase para vc, meio que te destreina. Agora sobre reflexos eu tb acredito que funcione. Não é a toa que as pessoas treinam em simuladores antes de praticar na vida real. Vai treinar seus reflexos para certas ocasiões.

    • FernandoX 4 anos atrs

      no caso de jogos cooperativos, claro, uma vez que há algum meio de comunicação e execução de estratégias é bem possível sim!

      costumava jogar com um grupo de pessoas CS 1.6 modo clã e era completamente teamwork e estratégia! e uma vez que a pessoa vê que precisa de outra para executar uma missão ou uma tarefa, treina para que faça isso na vida real também

      acho bom não confundir o que as pessoas fazem no "cada-um-por-si" com o que a ferramenta proporciona. jogos cooperativos possuem um grande potencial para teamwork, mas o problema são os jogadores que não utilizam isso

      • sim, fornece. Mas acho que o que os jogos fornecem não ajudam tanto assim. Pra mim somente naqueles grupos e clans competitivos que o trabalho em equipe dá resultado. Como no caso de vc fazer uma besteira no jogo e levar um esporro, ou o grupo começar uma discussão. Saber lidar com isso vai ser necessário pra vida. Mas não vejo mto além disso, mas claro, posso estar errado

        • Pelo menos os que costumo jogar ajudam muito. League of Legends, CS 1.6, entre outros.

          Quando se joga com os amigos através do skype, se comunicando constantemente sobre o andamento do jogo trabalhar em equipe é essencial. Tanto que tem amigos que evito jogar, pq são ótimos jogadores solos, mas péssimos companheiros.

  • caio_mota17 4 anos atrs

    Fernando, eu estou na oitava série agora, e posso ver na prática o resultado dos jogos na minha vida escolar.
    Os jogos que talvez façam mais diferença, pelo menos pra mim, são os RPGs, como Mass Effect, Dragon Age, Skyrim, etc. onde você tem escolhas de fala, necessitando de muita interpretação, além do inglês (já que a maioria dos jogos ainda não são traduzidos para o português brasileiro)

    Portal, Braid, os jogos de puzzle também são muito bons, já que exigem pensamento longo e às vezes complexo para o jogador ter uma resolução boa para cada situação, porém nem sempre você tem o tempo necessário para tudo isso, na escola.

    Muito bom vídeo, continue assim!

    Avante Fênix Down!

    • FernandoX 4 anos atrs

      isso ae! sem contar na parte de professor de inglês, bem lembrado! xD

  • Mais uma vez o tema foi muito bem escolhido. Já foi provado em pesquisas que os games ajudam sim no raciocínio lógico, na tomada de decisões e principalmente na melhora da coordenação motora, mas eu acredito que existam mais alguns pontos que sim podem ajudar, é só o povo focar a pesquisa. Um jogo com um teamwork bem feito pode sim "simular" um ambiente real, fora que como foi muito bem citado pelo @caio_mota17 os games são ótimos professores de inglês, 98% do que eu sei de inglês eu aprendi jogando videogame.
    Acho que faltam pesquisas para mostrar o que os games trazem de bom e sobram pra falar o contrário… Espero que isso mude.

  • Fernando, o rei do photoshop
    esse efeito de banner está uma obra de arte!!!!
    parabens hein, queria ter as suas skills

  • Vinicios Santana 4 anos atrs

    Acho então que o jogo perfeito para estimular um aluno, seria The Legend of Zelda 4 Swords, porque você fará puzzles, precisará de reflexo para os chefes e inimigos e ainda tem que jogar cooperativamente com outras 3 pessoas.Existem outros jogos parecidos ( não sei nenhum ^^) mas esse é um bom exemplo das 3 ferramentas básicas juntas. Raciocínio, reflexo e cooperativismo.

  • Esse é o tipo de assunto que vamos ficar a noite toda conversando sobre. Já discuti esse tema há muito tempo (numa galáxia muito muito distante NÃO) com várias pessoas, desde amigos até professores, na época era a respeito de jogos de tabuleiro tipo War e Banco Imobiliário (dois jogos que eu adoro). Discutiamos sobre até que ponto esse tipo de diversão pode ajudar no desenvolvimento das pessoas. Falando especificamente desses tipos de jogos, acho que no videogame algo mais próximo desses dois jogos que citei são jogos tipo War(Star)craft, SimCity e outros, são jogos que pra você se dar bem é preciso uma certa dose de estratégia e saber como administrar recursos isso transportando pra nossa vidinha do dia-a-dia pode ser de grande ajuda, são conceitos que com os jogos acabam sendo assimilados de maneira natural. Um exemplo é que todo conhecimento de matemática financeira que tenho hoje aprendi no tabuleiro do Banco Imobiliário, aprendi traçar estratégias para chegar nos meus objetivos conquistando o mundo com minhas cartas e exércitos e aprendia a gerenciar meus recursos em jogos como Age of Empires.
    Já ouvi de muita gente que isso é conversinha de gamer pra justificar as horas "desperdiçadas" em frente à TV, que os jogos não passam de entretenimento e "perda de tempo", às vezes até é, mas não dá pra ignorar que podemos usar as maravilhas do mundo virtual pra melhorarmos nossa capacidade de compreender o mundo real. Ou será que fazendo isso vamos estar nos aproximando da aniquilação nas mãos de uma raça de robôs alienígenas…..

    Ahh, parabéns mais uma vez pela escolha do tema….

    • FernandoX 4 anos atrs

      na maioria dos casos são pessoas que nunca jogaram ou que não entendem a ideia básica dos jogos.
      acho que o mais legal mesmo é quem joga não sentir essa influência e esses estímulos, que passa desapercebido disfarçado de diversão

      é a questão essencial nisso tudo: uma vez que aprende sem nem saber que está aprendendo, se torna um conhecimento tácito implícito. isso vale para os jogos de tabuleiro também!

  • feraboys 4 anos atrs

    Acabei de descobrir que não gosto de você em vídeo.

    • FernandoX 4 anos atrs

      =(
      mas eu gosto de vc na internet!

      • feraboys 4 anos atrs

        Sério mesmo Fernando, você é esquisito num vídeo, sei lá, tenta gravar com alguém, tente usar alguns recursos, sua filosofia gamer é boa mas seus vídeos tão meio sem sal manolo.