OBJECTION!

Depois de acumular 34.000 pontos de XP o Fênix News eleva evolui como um pokémon e chega a sua forma definitiva, o Objection!!

Decidimos dar uma enxugada no nosso podcast de notícias de modo que se torne um bate-papo de uma média de 20 a 30 minutos, semanal e com apenas uma notícia, de preferência, a mais interessante que saiu na semana anterior. Dessa maneira teremos notícias mais frescas e uma periodicidade menor entre elas!

Nessa semana Fernando, Diego e Ogro discutem uma lei polêmica baixada até então apenas na Europa, que permitirá a venda de games digitais usados!

Confira agora e não esqueça de deixar o seu feedback sobre o novo formato!

Edição e trilha: Diego

Banner e template: Lucas Bronze

Feed do podcast: http://feeds.feedburner.com/fenixdownpodcast

Qualquer dúvida, sugestão, crítica ou elogio, envie para contato@fenixdown.com.br! E siga-nos no twitter : @fenix_down !

Pior host do mundo, criou o Fênix Down para continuar falando de games. Mas sua mania compulsiva acabou criando mais colunas do que ele aguenta.

Facebook Twitter YouTube 

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*

84 Comentario(s)

  • inominavel 4 anos atrs

    Ai sim hein ….. eu não comentava no Fênixnews justamente por achar ele tão extenso que acabava sem saber o que comentar na hora de fazer o feedback para vocês, mais com esse novo formato acho que vai dar de comentar melhor! ouvir agora para depois comentar galera! mais já curti logo de cara esse novo formato que estão explicando no começo já do podcast!

    • vlw pelo feedback =]
      queremos realmente saber se esse formato agrada ou desagrada mais, até pq a gente está vendo o q é e o q n é viavel no site =D

    • FernandoX 4 anos atrs

      esperando o seu feedback entao sr sem nome!

  • SeoCrispim 4 anos atrs

    Gostei da ideia. Deixa mais dinâmico, constante e exequível.

    • para aqueles q necessitam acessar o google como eu precisei
      exequivel: que se pode executar

      vlw SeoCrispim!

  • Curti bastante o novo formato! =) Ficou bem leve e dinâmico.

    Como segundo o Diego "ninguém aí sabe porra nenhuma de lei", vim dar uma ajuda! Hehehehe
    Na verdade, tentou-se criar uma nova espécie de "propriedade", uma "licença de uso instransferível", em que você adquiria o direito de USAR aquele serviço, mas não o direito de transferí-lo. Acontece que a Corte Européia decidiu que isso não era permitido na ordem jurídica européia. É bom lembrar que o compartilhamento de contas, como no caso do psn, continua sendo proibido, porque aí não é comercialização do usado, é "reprodução".

    Aqui no Brasil, particularmente, não sei se a decisão seria a mesma. Existem licenças de uso intransferíveis em outros tipos de produtos e serviços. Já existem algumas decisões do Superior Tribunal de Justiça, última instância, reconhecendo a legalidade de licenças de uso intransferíveis de softwares. Lógico que essa decisão pode mudar… mas pra isso, a lei brasileira de propriedade intelectual precisa mudar.

    Eu acho que os jogos poderiam ser vendidos de duas maneiras: licença de uso intransferível (mais barato) e transferível (mais caro). E no caso da transferível, seria cobrada uma taxa a cada transação. Acho que é a única maneira de compatibilizar o mercado com essa decisão.

    Vale lembrar que, se o Steam regulamentar isso na Europa, o modelo terá que ser o mesmo nos outros mercados, em obediência aos tratados concorrenciais, pois senão geraria concorrência desleal.

  • marcelsn 4 anos atrs

    finamente mudaram o nome

  • SeoCrispim 4 anos atrs

    Pergunto: É possiel que a venda de midia digital no steam possa influenciar no fim das suas promoções malucas e tentadoras?

  • A abertura ficou irada!

  • drnico 4 anos atrs

    Preços subindo na steam AEEEEEEEEEEEEEEEEE

  • Como assim, #35????? O.O

    Bom, já baixei, bora ouvir, antes de partir para o take #2 do GodMode e do Dash sobre o Mass Effect 3 (para poder anotar os pontos a comentar no email)

    Edit: AHHH, tá, é o Fênix News, rebatizado. Precisava mudar de nome?

    • FernandoX 4 anos atrs

      precisava! revitalização do FN, igual comentado no ultimo episodio xD

    • não foi só o noooome né, o formato tb…
      e todo mundo sabia q era provisorio o nome fenix news, assim com o fenixcast

  • Steam, Origin, App Store, Google Play, PSN, Live… cai TUDO nessa resolução Europeia. Quero só ver como vai ser a reação dessas empresas nos próximos dias.

  • Madabr 4 anos atrs

    A solução é você não comprar o software em si, mas sim o acesso a ele. Como comprar um jogo (físico ou digital) e poder usá-lo em quantos consoles (ou computadores) quiser, mas ter que sempre acessar com sua conta. Acredito que se isso fosse possível os games poderiam também ser um pouco mais baratos. O contra apenas é a necessidade de estar conectado à internet.

    • vc quer dizer tipo um aluguel infinito? pq no steam vc tem o direito de baixar os jogos apenas pela sua conta… tanto q eles implicam se vc baixar em lugares difetentes…

      • Implicam? Nunca encrencaram comigo. Talvez se você trocar de IP com muita frequência no mesmo dia, ou até mesmo trocar de PAÍS muitas vezes num curto período de tempo. Mas quando eu viajei para a Europa em 2010, bem no final da Sumer Sale da época, acessava o Steam localmente para jogar, mas conectava remotamente em casa para comprar as promoções do dia (enquanto estava lá os preços eram em Euros, muito mais caro que o equivalente em Dólares) e foi tranquilo. Claro que foi por um curto período, mas se fossem cri-cris com isso, poderiam ter "sinalizado" a minha conta, o que não aconteceu. Pelo menos não que eu saiba :)

        • tipo… aqui pelo menos reclama… ele me faz autenticar a conta toda vez q mudo de pc… o ip n importa mas sim onde o registro do usuario esta "valendo".

          Se eu mudo do note pro desktop, ou vice versa, eu tenho q autenticar por email. Sempre. Eu n sei se quando vc viajou, vc levou o note onde estava o registro mas aqui sempre foi esse "problema"

          • Fala do Steam Guard? Isso daí ele só implica quando mudo de computador, usando um que não está autenticado ainda (ou, no caso do acesso pelo site, quando faço login de um BROWSER que ainda não foi validade, mesmo que seja na mesma máquina). Mas é só uma vez, não fica pedindo sempre, não. Uso alternadamente em casa, no note e no PC da minha noiva, e depois das autenticações não deu mais nada. Pelo menos para mim

          • q doido, acho q meu pc deve estar perdendo o registro sempre…

  • mathias 4 anos atrs

    BOOA!!! Curti essa ideia!!
    Vocês vão manter essa quantidade de pessoas nos casts posteriores? Ou irá variar?
    Abração a todos e sucesso!!

    • olha… a idéia é ser 3 pessoas mesmo por cast, no maximo… 4 e vamos tentar fazer com q não precise =P

  • Bruno 4 anos atrs

    XD inacreditável como o Fernando é incapaz de dizer palavrões…
    O Diego xinga o Fernando de v*** e o máximo que o Fernando consegue responder é "seu babaca"

  • Thiago 4 anos atrs

    Achei interessante o papo sobre venda ou não de jogos usados, sabemos que sempre há formas e formas para burlar. Então imagine que não poderemos mais vender jogos, ok proibido mas se dai em diante as pessoas comecem a vender os seus consoles ao invés de jogos, com tudo dentro dele? ai você falaria da conta a id do usuário ok, isso mesmo funcionaria para um 3RL, por exemplo ? Gostei do formato parabéns.

    • tem mt gente q ja faz isso de vender o console com os jogos… muita mesmo!
      no 360 a licença fica no console q comprou tb…

  • inominavel 4 anos atrs

    Voltando agora galera!!! curti demais o novo formato! e acho está na medida!!! só manter mesmo agora, o fato da noticia ser recente ficou muito bom, ficou bem dinâmico também pelo fato de ser apenas uma noticia apenas , nossa….. muitos pontos afavor.

    minha opinião sobre o que foi discutido:

    Assim como vocês, eu não sei ao certo se concordo ou discordo, sim é bom ter total liberdade do que fazer com um produto adquirido mesmo que digitalmente, porém isso para o mercado seria péssimo, pois ao meu ver as empresas visando que agora existe esse tipo de mercado iria aumentar o preço do produto final visando que esse produto poderá ser vendido futuramente pelo proprio comprador, não acho que isso seria uma coisa boa afinal, sem contar que a unica maneira que vejo até agora de se vender uma coisa sua digital seria o comprador ter um conta de algum serviço desse, assim como é feito com Diablo III, que é um jogo que mesmo em midia fisica a serial dele é associada em minha conta da batlenet e eu tenho que estar logado para jogar, e seu quise-se vender meu Diablo III eu teria que desassociar a minha serial de diablo da minha conta, já imaginaram o inferno que seria ter que estar online para jogar um jogo sigleplayer ???? isso sem contar nos custos com servidores que as empresas teriam para manter um servidor desses funcionando??? isso iria resultar em um eminente aumento dos preços.
    Acho melhor deixar as coisas como estão que está bom demais, e como o próprio diego disse no cast " eu só quero jogar" …… eu também cara…. eu também…. não vamos dificultar as coisas para nois mesmo não ??? falou galera!!! e foi um ótimo CAST!!!!!!

  • Antonio 4 anos atrs

    Não ouvi ainda (o farei a noite), mas gostei da idéia.

  • Olha só, eu aqui esperando a melhor oportunidade pra voltar a escutar os podcasts do Fênix Down e boom, podcast "novo" no ar! Ai sim hein! Faz um bom tempo que eu não escuto o FN, mas lembro que realmente alguns deles ficavam muito pesados em matéria de conteúdo e tipo, no final ficava até difícil rolar um feedback com um conteúdo mais concreto, eu aprovo esse novo formato, não só pelo "tamanho" do cast, mas também por aumentar a periodicidade, Aeeee!
    Sobre o assunto do podcast em si, caras, complexo… Tipo, essa decisão vai totalmente contra a corrente da industria por que todo mundo ta nessa "onda" de querer proibir a venda de jogos usados e do nada o povo resolve que a gente pode vender até as apps dos nossos celulares? Eita! Bom, acho bem bacana a ideia, por que tipo, você comprou, você tem o direito de revender do jeito que você quiser, mas sei lá, acho que pode sim prejudicar MUITO a industria pelos motivos citados no cast, mas ao mesmo tempo é um "direito" que pode ser viavel de vez em quando… Exemplo básico, eu tive que comprar Mass Effect 2 vezes pra poder jogar, um na minha conta do Steam que tava no meu PC e não rodava e outra no Origin que eu instalei no PC da minha noiva pra poder jogar(sim, eu não consegui enviar o gift no steam pra ela, o jogo já estava na minha conta e ela já tinha conta no Steam com os jogos dela, então não rolava de instalar a minha conta também) ou seja, complexo… Bem complicado MESMO… Vamos deixar o povão quebrar o pau e no final a gente ve o que vira…

  • felpemarins 4 anos atrs

    Otimaa ideia, curti muito esse novo formato!!

    Não tinha entrado no site ontem, só fiquei sabendo agora quando tava editando os emails do FC ahhahahahahaha
    Mas realmente acho que rende muito mais um podcast mais curto e semanal de noticias.

    Ps: Eu quero participar só pra gritar YOU CAN'T HANDLE THE TRUTHHH!!!

  • felpemarins 4 anos atrs

    Comentar o cast agora, eu sinceramente não sei se concordo ou se discordo.
    Pq nao tem como comparar o mercado fisico com o mercado digital, são "mundos" diferentes.
    A ideia de que tu poderia revender algo que não vai usar mais faz sentido masssss não acho que va funcionar na pratica no mundo digital, até pq na internet é muito mais facil de se conseguir as coisas de graça (ilegalmente na maioria das vezes) e burlar o sistema que verifica se voce comprou ou não o jogo, mp3, etc…não seria um problema muito grande também.

    Eu to mais pro lado de que não devia ser permitido, pra mim o mercado digital tem que ser tratado de forma diferente do fisico.

    • pois é… é muito recente ainda
      a valve lucrou o q tinha q lucrar pq foi pioneira nesse troço, agora q todo mundo quer uma fatia desse bolo é q ta dando merda

  • mateusix 4 anos atrs

    Opa, ai eu vi vantagem!!

    Vai prejudicar a indústria? Vai!
    Vai me prejudicar? Não. E quero vender tudo que terminei no steam, AGORA. e comprar coisa nova =)

    Mas….

    • menino egoista ¬¬ huahuahuahua
      a longo prazo vai te prejudicar sim…
      acho q a gente só tem a perder com isso…

  • Curti muito o novo formato! Parabéns pessoal!

    Ultimamente tenho ouvido os casts direto no cel (deixo o Beyond Pod pra sincronizar de madrugada e sempre escuto no dia seguinte), e como no trabalho tudo é bloqueado faz um tempão que não comento em lugar nenhum….

    Agora é só pegar algum software que faça o mesmo com vídeos do YouTube e pronto!

  • gabrielg 4 anos atrs

    Sobre o formato do cast, acho que ficou melhor assim. Eu ouvia poucos Fênix News, pois nem sempre tinha tempo para ouvir logo que saía e quando eu podia ouvir as News já não eram mais tão novas assim. Esse formato mais enxuto ficou melhor tanto para encontrar tempo pra ouvir quanto para focar em um assunto capaz de criar discussão.

    Sobre o tema do cast, é difícil prever o impacto dessa decisão de permitir a venda de mídias digitais “usadas”.

    Eu acho necessário que sejam estabelecidas leis que protejam o direito do consumidor ao acesso aos produtos digitais que foram adquiridos. É muito importante ter regras que impeçam decisões arbitrárias das empresas, de banir um consumidor fazendo com que ele perca o acesso ao que ele pagou. Ou até mesmo que impeçam a associação da compra de um software à um hardware especifico, sendo que se o consumidor perde o console, por exemplo, perde também o acesso a todos os jogos comprados.

    Por outro lado, é preciso maior debate e entendimento antes de simplesmente estender as leis estabelecidas para um tipo de mercado, a outro que tem um funcionamento completamente diferente. Coisas diferentes precisam de tratamentos diferentes, me parece óbvio. Como foi comentado no cast, no caso da mídia digital não existe nenhuma desvantagem na compra de algo “usado” o que poderia gerar uma concorrência desleal que acabaria prejudicando muito a indústria.

    Contudo, na prática, essa decisão significa muito pouco se as empresas realmente não forem obrigadas a fornecer o meio para a venda. E caso elas sejam, me parece que a solução passaria realmente pela cobrança de serviços. Tanto no serviço de venda, como foi comentado no cast, para tentar regular um preço mínimo, como em outros benefícios que poderiam ser dados somente para quem compra o jogo novo. Dessa forma, funcionalidades como o steam cloud e até mesmo a disponibilização dos achievements no perfil poderiam ficar indisponíveis em jogos usados, podendo ser adquiridos a parte.

    Outro ponto que me faz pensar que talvez isso não fosse tão trágico para a indústria, é o surgimento de projetos como o Good Old Games e até mesmo do Humble Indie Bundle. Neles não é gasto tempo e dinheiro com DRMs que impeçam o jogador de compartilhar os jogos adquiridos e mesmo assim são serviços que conseguem retorno financeiro. Isso mostra que existem pessoas que tem consciência que é necessário prestigiar os desenvolvedores dos games que elas tanto gostam. Claro que existem os espertinhos que se aproveitam da situação, mas esses iriam encontrar uma maneira de burlar o sistema de qualquer forma.

    • uou! mega comentario o/
      esse caso do consumidor q perde o hardware usado acontece com os jogos de 360

      quando vc compra uma licença vai pro user q comprou e a outra pro console comprador para q qq um q jogue no console possa aproveitar 100% dele

      se queimar o console, ferrou
      mesmo assim o dono da conta q comprou pode transferir a licença pro console novo quando quiser transformando em demo a do console antigo. ja vi muitos casos desses em foruns de pessoas enganadas

      o q importa é a conta ter direito, n o console

  • Haruki 4 anos atrs

    mas, e o pato de estrada?

  • foi atropelado =]

  • Acho que concordo com o Diego quando ele diz que está ficando complicado demais jogar videogame hoje em dia rs
    Parece que a necessidade de comprar jogos usados é meio que irrelevante se tratando de Steam, pois um tempo depois que o jogo sai, tudo fica bem mais barato. Preço que é competitivo até com os jogos usados que uma Gamespot da vida vende.
    Mas sei lá, já que é "direito" do consumidor e tudo mais, não vejo motivo para não ter. Mal para nós não fará, mas também não sei como o mercado de jogos ficaria depois disso resolvido.

    Sobre a mudança: Ficou muito interessante mesmo, mas acredito que uma hora ou outra vai ficar difícil de ser SÓ UMA NOTICIA. Sei lá, vai que a Nintendo venha a falência na mesma semana que a Sony e Microsoft se unem para lançar o PSXBox(fuuuu -são)? ahaha Qual seria a mais importante? :P
    Ótimo nome, btw (y)

  • F4bioGP 4 anos atrs

    Ah para, vai se ferrar. Eu quero sentir o cheirinho do encarte do jogo, deixar eles organizados na estante. Guardar os lacres dentro da caixa hahahahaha.

    Sério. Isso de comprar Mídia Digital "usada" é uma alternativa de ganhar mais dinheiro, certamente terei que comprar um tipo de "online pass" para cada jogo.

    • FernandoX 4 anos atrs

      já vivemos no mundo de online pass! e até pra mídia digital tb (pra evitar pirataria)
      implementar pra servir de transação em jogo digital usado é um passo

  • Ah não cara… jogos digitais usados? Isso não existe! Não tem embalagem, não importa o quanto você usa o jogo digital, ele continua funcionando perfeitamente.
    Que lei besta é essa! Deixe os jogos digitais em paz, assim o povo do Retail continua vendendo os disquinhos deles lá e a gente comprando digital por aqui!

  • Marcos Melo 4 anos atrs

    Curti bastante o novo formato. E o melhor é que vai dar pra ouvir suas vozes mais frequentemente, hehehe!
    Level UP pro Fenix Down!

  • FelipeRaabe 4 anos atrs

    Ô gato! Muito bom esse cast =p
    Algo me diz que isso floresceu do "FenixDown Denuncia"

  • Hermes Canhas 4 anos atrs

    Muito bom esse novo formato, de fato fica com informações mais recentes e rápidas. Sobre o tema, eu acredito que temos uma longa caminhada ate a regularização das midias digitais. Um caminho que vejo é caso os novos consoles venham com algum sistema parecido com o steam ou algo parecido.

  • Gustavo Henrique 4 anos atrs

    Galera do Fenixdown! Meu nome é Gustavo Henrique, tenho 28 anos, sou de Recife – PE e Este foi o primeiro Cast que ouvi de você. Parece que agora estou viciado em ouvir suas brigas de fãboys no FLAMEWAR (adorei o cast)… Sou fã de games e jogo desde os 5 anos ( primeiro ATARI), hoje em dia minha diversão além de cuidar do meu filhão é escutar seu cast e jogar algumas horitas em meu 360. Continuem assim, bem humorados que vocês vão longe. Obrigado!

  • Heitor Polidoro 4 anos atrs

    Eu até que gostaria, mas seria inviável a revenda de mídias digitais por parte do consumidor final. Mídias digitais não tem desgaste! Então não existe mídia digital usada.

    Quando compro algo digital eu entendo que estou comprando uma ou mais licenças para usufruir daquilo e é algo intransferível.

    Abraços