OBJECTION!

Esta semana Fernando, Diego e DioRod se juntam para discutir se  nova geração de gamers está pronta para se virar em um jogo open world. Tore Blystad, diretor de Hitman Absolution, disse que estamos em uma geração cheia de jogos lineares e sem liberdade, o que educou o jogador a não pensar fora da caixinha.

O que Hitman Absolution irá trazer de mudanças nesse cenário? Quais as diferenças entre sandbox, open world e jogo linear? Até onde podemos diferenciar escolhas livres de simples caminhos diferentes?

Confira tudo isso no Objection!

Edição final e trilha: Felipe

Links:

Feed do podcast: http://feeds.feedburner.com/fenixdownpodcast

Qualquer dúvida, sugestão, crítica ou elogio, envie para contato@fenixdown.com.br! E siga-nos no twitter : @fenix_down !

Fernando X de Megaman X! Não de pornografia ou de Xuxa!

Facebook Twitter YouTube 

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*

21 Comentario(s)

  • danlost 4 anos atrs

    SandBox: JOgos de furacões, Open World: Jogos baseados no Office aberto como Linux, e jogo linear, são aqueles com varias linhas de ar, pro seu personagem não sufocar, tipo tipo Sonic n fase da agua, vou ouvir pra ver se acertei! ;D

  • felpemarins 4 anos atrs

    Sandbox = Nintendogs + Cats
    Open World = Super Mario World com codigo aberto
    Linear = Jogo de corrida da Fiat que só tem o Linea pra correr

  • Bruno Britto 4 anos atrs

    Sandbox = quando eventos no mundo e NPCs do jogo agem independentes do jogador. exemplo: Mount&Blade e Pirates(Sid Meier) são jogos que conheço!
    OpenWorld = Quando o jogador tem liberdades de ir e vir, resolver as quests na ordem que preferir, mas os eventos do jogo só acontecem com a presença do jogador! exemplo: Skyrin (é um jogo que mesmo terminando a quest principal é permitido continuar jogando)!
    Linear = Qualquer jogo que tenha "The End"!

    Pode um openworld ou SandBox ser linear?
    Acredito que sim. Basta com que a missão principal termine com a possibilidade continuar jogando!

    É o que penso! Abraço!

  • Bruno 4 anos atrs

    Call of Duty virou sinônimo de jogo linear.
    Imagina no dicionário:

    Linear
    1. Que segue a direção de uma linha.
    2. Que se representa por linhas.
    3. Call of Duty
    "Achei o texto muito Call of Duty"

  • GabrielVRosa 4 anos atrs

    pra mim sandbox é um jogo que te da total liberdade,pra tanto resolver as missões quanto para explorar,acho que o maior exemplo de todos é o GTA
    agora um jogo openworld é um jogo,como próprio nome já diz,mundo aberto ,no entanto você não esta totalmente livre, você ainda esta preso a história e aos acontecimentos do jogo,como por exemplo no AC ou o Dishonored que tem um mundo bem vasto e ele te deixa livre para completar as missões no entanto você ainda esta preso a história do jogo
    bem linear acho que é o mais básico,o jogo é projetado para você seguir aquela linha da história,ele pode até deixar você livre para fazer algumas escolhas mas você esta preso naquela parte do jogo,como Uncharted
    uma boa maneira de diferenciar openworld de sandbox é pensar assim
    "openworld é o sandbox só que sem os brinquedos"
    bom cast,mas achei que vocês comentaram bem pouco da noticia,mas isso que o cara falou já se iniciou em diversos jogos,como o Batman,Dishonored,até o próprio hitman,mas pelo que eu entendi ele quer implementar esse conceito,bem vamos ver o que vai acontecer
    só pra avisar a steam chegou no Brasil e esta com uns preços bem legais,recomendo vocês darem uma olhada
    continuem o bom trabalho,e vai ter rush de megaman x uhull \o/

  • felpemarins 4 anos atrs

    Falando serio agora, acho que a grande diferença do sandbox pro openworld é que no Sandbox você não é sempre o "protagonista do jogo", não ficou claro né?
    Por exemplo, tu pega um jogo open world do Spiderman, independente do que tu faça, tu sempre vai ser o Spiderman, pode ter toda a liberdade pra ir onde quiser mas tu nunca vai deixar de ta pulando com as teias e vestido de maluco.
    Agora o GTA San Andreas, como exemplo de Sandbox, tu é o CJ malandrilson sempre, mas se tu quiser, tu pode fazer coisas totalmente diferentes ao foco principal do jogo. Tu não precisa ser o "bandido do gueto" o tempo todo, pode ir jogar boliche, pegar as primas, ver tv, trabalhar de taxista, de bombeiro, etc…

  • pra mim um bom exemplo de sandbox é o little big planet… tem as ferramentas, e vc pode fazer o que quiser com elas… hehehe mas se for na definição que sandbox é um jogo de mundo aberto com muito mini-games desconexos com a história e foco principal do jogo, então diria que um bem legal é o red dead redemption… já passei muitas horas jogando poker atoa em black water…

    • mais LBP nao esta mais pra uma game engine?
      construir e jogar é diferente, no LBp vc tem q construir pra depois jogar, e vc constroi paradas lineares, pelo menos no 1 que vc só pode ocnstruir fases sidescrollers

      • OBJECTION!!! pra mim game engine é SOURCE, cryENGIME ou algo do tipo… no máximo um mugen ou rpgmaker da vida… little big plante é um jogo, onde vc pode usar as ferramentas disponíveis pra criar as suas próprias aventuras… num é isso que as crianças fazem com seus brinquedos nas suas caixinhas de areia?

        • GabrielVRosa 4 anos atrs

          Você não lembra do slogan do LBP2
          "um game de plataforma ?"
          "ou uma plataforma para jogos ?"
          Bem mas levando isso em consideração acho o lbp 1 bem sandbox mesmo,mas ao mesmo tempo linear

  • LucasCFX 4 anos atrs

    DioRod ficou meio calado… As vezes ele falava: "ah, entendi…" mas que meio deixa entender que queria dizer "tenho uma outra opinião, mas não sei como falar, ou não quero dizer" =X

    Pode ser impressão minha, sei lá…

  • Rapaz, complicada a conversa hein… Tipo, nos temos sim muitos jogos que seguem um roteiro fixo e que você não pode fugir das linhas do jogo e temos alguns que temos infinitas opções e tipo, acredito realmente que ambas podem conviver tranquilamente, mesmo por que tem jogos com roteiros que não funcionariam de outros jeito, tipo eu adoro Uncharted, acho uma obra prima, mas é bem travado ali nas linhas do roteiro e no caso de transformarem ele em algo mais aberto eu sinceramente não sei se funcionaria bem, tipo a narrativa é corrida, ela te empurra pro próximo objetivo, você tem sempre o senso de urgência e tipo, se você pudesse parar pra tomar um café ou assistir televisão não ia rolar tão bem. Acho legal inovação sempre, mas não é preciso que TODO o mercado siga todas as inovações.

  • radoc 4 anos atrs

    Todos os jogos ainda são lineares demais. Ainda existem limitações técnicas mas tem um pouco de medo dos desenvolvedores também.
    Pense numa história simples: Um herói tem que derrotar um vilão e para isso ele tem que enfrentar os 4 principais capangas desse vilão.
    Está aqui um resumo da maioria dos jogos do mundo.
    Numa história linear, o heroi vai ter que enfrentar os capangas na sequencia Fulano, Ciclano, Beltrano, Silva e Vilão.
    Não importa o que acontece entre um confronto e outro, se eu tiver que seguir essa ordem de combate, a historia é linear.

    Um jogo realmente livre da linearidade me permitiria começar o jogo indo direto para casa do vilão e matar ele lá, pulando todos os capangas.
    Mas como isso poderia funcionar?
    Pegando um jogo baseado em evolução e XP, o boss final sempre é super foderoso, entao, mesmo se eu chegar nele, vou ter que lutar sem tomar nenhum dano ou morrer com uma pancada.
    O jogo deixou de ser linear por que me permite alterar diretamente a historia, mas isso não existe em jogos de grandes produtoras, talvez em alguns indies como no Minecraft onde a história é totalmente interpretação.

    • felpemarins 4 anos atrs

      Concordo.

      Talvez os únicos jogos que não tenham uma historia linear sejam os que não tem historia alguma ou os MMOs se você considerar a história criada pelos jogadores.

  • diogenes neves 4 anos atrs

    Diego vc está virando um rabugento.
    Preste atenção nisso =D
    Abs