Bom dia senhores e senhoritas!

Eu sou o Bruno Esteves. Vocês devem me conhecer da Saving gil. Ou não, mas isso não importa – o que importa é que agora eu escrevo mais do que apenas as promoções da semana! Tomando posse do antigo Hysteria, esse primeiro texto tenta elucidar uma dúvida muito comum: Vale a pena comprar um Xbox 360 / Ps3 / Wii a essa altura do campeonato?

Imagine o cenário: Você ‘largou’ a vida de jogador de joguinhos pra investir em sua carreira, seja num pré-vestibular, estágio, faculdade. Ou foi alvo da maldição por muito tempo e, só agora, tem a oportunidade de angariar um console, já no ‘fim da geração’. Passei por isso em 2008 e, se tivesse a cabeça que tenho hoje, não teria comprado um Wii + Ps3. E se pudesse voltar no tempo, me batia só por pensar em comprar o console da nintendo – que me pareceu tão revolucionário e só fez piorar com a minha L.E.R..

(Foco). Então, se eu pudesse voltar no tempo, teria comprado um Ps2 ou Xbox – e não um Ps3 logo de cara. Perdi todos os jogos maravilhosos que a geração passada trouxe (God of War 1 e 2, Halo 1 e 2, todos os Devil May Cry, Metal Gear Solid 2 e 3, Disgaea, Shadow of the Colossus, Hitman – só pra citar alguns!), entrei de cabeça numa geração sendo earlier adopt, perdendo um canhão com 3 meses de uso e tive a sorte de ainda não ser sorteado com a YLOD


Como eu me arrependo por ter ‘pulado’ SotC

Claro que a nova geração é tentadora. Novos jogos! Novas IPs! Gráficos mais bonitos! Tecnologia de ponta! Mas de que adianta jogar o MGS 6: Snake behind the Tree se você não jogou o 4? Além disso, vamos nos ater a um ponto muito importante: dinheiro. Comprar um console atual está mais barato, e existe a possibilidade de adquirir um usado. E tem mais: é fácil encontrar promoções de jogos mais antigos, você pode trocar com os amigos ou até comprar usado. E, claro, você está comprando um hardware mais confiável do que o do lançamento – quantas hitórias de 3RLs/YLOD nós vimos? Isso sem contar as revisões de hardware (Xbox 360 com HD interno, Ps3 com HDDs maiores que 60 Gb) e o suporte oficial das fabricantes nas terras tupiniquins.

 Red Dead Redemption é o Game of the Generation segundo o Bruno Esteves

Por fim, mas não menos importante, jogue os clássicos dessa geração. Não faça como eu, que comprei quase todas as re-edições em HD num console – num preço de jogo quase lançamento. Se você ainda não curtiu Portal, Red Dead Redemption, Fallout 3, Skyrim, Bioshock, GTA IV, Dragon Age, Batman: Arkham Asylum e os outros clássicos dessa geração não vá para a próxima. Ou vá, mas depois nem vem dar uma de histérico pra cima de mim…

Bruno Esteves

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*

49 Comentario(s)

  • Se for barato, sim, agora vou ler a matéria =o

  • Dariek 3 anos atrs

    Cara,o console tu acha por sei la,200,300 reais(ps2) E ps2 tu pode usar pirata sem remorso,nao tem jogo por aqui mesmo.

  • Bom, matéria lida, não posso dar muito minha opinião porque sou pc gamer, mas mesmo assim, acabo sempre vivendo uma geração atrás porque meu pc tá sempre ultrapassado…
    Acho que dinheiro é o que conta mesmo mas considero esse processo de certa forma saudável, porque tem muita gente que nem teria condições de se considerar gamer, entretanto tem acesso a um videogame de geração antiga e acaba conhecendo jogos que pra muita gente acabou passando batido e dando valor aos mesmos. Dessa forma, surgem pessoas diferentes, com percepções diferentes e ideias diferentes… E isso é bom.

    • sim, fato.
      mas tb acredito que exista o outro lado, do cara q nao sabe dar valor aos jogos mais antigos por uma jogabilidade mais travado ou gráficos mais fracos e acaba nao tendo grana pra comprar o novo da geração, e tb nao quer gastar em algo "ultrapassado"
      cada cabeça é uma cabeça…
      pra vc ver, o meu primeiro console dessa geração foi o wii pq eu tinha a biblioteca do 64 e do game cube para aproveitar =)

  • E no caso de alguém que só tem um xbox ou um ps3, vale comprar o console concorrente apenas pelos seus exclusivos?

    • eu fiz isso, eu acho q vale MUITO a pena
      até pq todos eles tem suas vantagens, mas adimito, nao consigo bancar todos… um fica só no exclusivo mesmo

  • SeoCrispim 3 anos atrs

    Concordo com você Bruno.
    Mesmo com os novos consoles apontando no horizonte, vale muito a pena comprar um console da geração atual ainda (tirando o Wii, hehe).
    Não sei como isto vai comportar na próxima geração comparada com essa, mas, na minha opinião, um ponto que faz muitas pessoas que pularam uma geração não aproveitarem as boas obras da geração anterior são os gráficos de certos jogos.
    Uma pessoa que está afastada a um tempo dos jogos, ao pegar um console, tem como base aquele nível de gráficos. Fica às vezes, difícil aceitar as limitações de gráfico e jogabilidade de jogos mais antigos.
    Dando um exemplo. Ouvi muito falar de Elder Scrolls III: Morrowind como um dos melhores da série, e sendo considerados por muitos como melhor que Skyrim, mas depois de jogar Skyrim, fica difícil se sentir atraído em jogar Morrowind.
    Assim foi também com Halo. Acredito que muitas pessoas que começaram pelo 3, só foram dar uma chance ao original depois do Remake da 343.
    Sei que isso não se aplica a muitos jogos, existem obras que não sofreram com o tempo. Geralmente esses jogos possuem uma arte tão característica que impéde esse envelhecimento. Porém muitos se apoiam na muleta dos gráficos.

    • eu diria mais…
      a geração ANTERIOR foi prejudicada com o avanço das tvs
      tem muitos games de ps2 que ficam terriveis em tv lcd/led … o wii sofre com isso huahuahua

      • SeoCrispim 3 anos atrs

        Verdade, por isso acredito que os jogos da geração atual possam ter uma aceitação maior e por mais tempo, mesmo com a nova geração.
        Acho que só iremos achar a geração atual ruim quando as Tvs 4k forem pra casas das pessoas.

    • Ótimo exemplo, fico triste de não ter jogado Morrowind na época certa, eu tentei jogar esses dias e não consegui =[
      O lance é que se você quer viver na geração passada, não pode conhecer a futura antes, heheh.

  • meu unico arrependimento foi não ter comprado o PS3 antes. já tive o wii e o x360, e tive o prazer de jogar jogos unicos nele (no more heroes, muramasa, red steel, halo reach, alan wake, gears of war) mas trocaria essa experiencia toda se pudesse ter jogado os exclusivos da sony antes.

    enfim. não entrarei nessa next gen de cara porque nem tenho tanto tempo ($$$$$$). infelizmente

    • eu nao vou entrar pelos motivos citados pelo Bruno
      problemas de hardware e estabilidade
      quando ver q tudo está bem, eu pego um dos consoles, até o wiiu ja deu merda no lançamento
      cansei de ser beta teste desses caras =D

  • SeoCrispim 3 anos atrs

    Prevejo muitas pessoas reclamando da "Maldição" quando os novos consoles chegarem.

    "Entendedores entenderão"

  • Rodrigoliver 3 anos atrs

    Sou um pc gamer e tive essa dúvida no fim no ano passado, ter ou não ter um console da geração (alias, ter ou não ter o primeiro console), fazendo todos os cálculos pensei mais ou menos como o Bruno mas da perspectiva do pc, preferi fazer um upgrade no pc que agora roda todos os jogos atuais em uma ótima qualidade e comprei o controle de xbox 360 pra os emuladores, no fim não me arrependi. Com essa escolha consegui emular todos os grandes consoles do ps2 pra trás, e posso rodar os games atuais no pc, a única perda foram os exclusivos dessa geração, não é nada agradável ver grandes jogos como Red Dead Redemption e não poder jogar, mas temos outros clássicos, nesse feriado de carnaval fiquei jogando SotC e Chrono Trigger.

    O mais importante é ter bons jogos pra jogar, consegui aproveitar os games de uma forma ou de outra mesmo no tempo das vacas magras, nunca tive console (meus pais nunca comprariam, por falta de grana mesmo), só tive acesso a jogos no fim da década de 90 com o atari no meu tio e aqueles ''playtime'', ou seja, apenas jogatinas esporádicas. Só tivemos pc em casa em 2003, e aí sim tive acesso a alguns jogos, mas como era pc das ''casas bahia'' não rodava quase nada, ''apenas''' emulador de ps1 e N64, e aí começa a jogatina de verdade, um dos meus primeiros grandes RPGs foi o ocarina of time, todo mundo no clima de ps2 e eu super feliz por poder jogar crash bandicoot sem precisar pagar pela hora! No fim o que importa é a diversão.

  • safomatetor 3 anos atrs

    Eu entrei nessa geração tem pouco mais de um ano com o ps3, nunca tive um ps2 e nenhum console anterior a não ser meu SNES, então assim, estou naquela de comprar jogos antigos e baratos sem contar que eu tenho mais HD edition de ps2 do que jogo de ps3 mesmo, ico, Shadow of the colossus, okami, os metal gears e por ai vai.
    Um detalhe é que eu achei a versão do okami em HD simplesmente fantástica porque realmente não parece um jogo de ps2, não mesmo.

    Sem contar que o ps3 sem querer puxar saco, mas que tem a psn plus que tem uma pancada de jogo que eles te dão "de graça" e isso faz valer mais a pena comprar pra quem não tem e quer voltar a ter um console.

    • Okami é um caso aparte porque tem aquilo que a gente chama de Estado da Arte, ele foi pensado pra aplicar o estilo artístico na tecnologia existente da época ao invés de querer criar um estilo artístico e depois ver se tem tecnologia pra isso, aí o jogo não envelhece nunca (gráficamente).
      É o caso de Grim Fandango, Sonic the Hedgehog ou nosso querido e amado Final Fantasy VI.

      • safomatetor 3 anos atrs

        Eu não acho bem assim, o caso do okami ao meu ver é mais pelo Cel shading mesmo, mas que como a intensão é parecer um desenho, os filtros conseguiram se encaixar tão perfeitamente que nem parece um jogo de ps2 no ps3, tirando pelas texturas e etc…
        Grim Fandango, sonic, FF 6 realmente são ótimos jogos, mas que mesmo você pensando em pixel art no caso do FF, na época que ele foi feito foi pensado para ser um jogo super avançado no SNES e não um pixel art. O Okami vai mais para ser diferente pelo estilo de arte ne, mas ahh
        Estado de Arte, explica isso direito ai, ou um link, quero saber mais sobre.

        • É, explicar direito não é minha maior skill. Wikipedia sabe melhor: http://pt.wikipedia.org/wiki/Estado_da_arte
          Mas, tentando explicar: basicamente é o melhor aproveitamento de uma determinada tecnologia aplicando uma determinada técnica.
          Final Fantasy VI foi o último FF numerado em pixels, já o VII foi o primeiro em polígonos, por isso hoje é tão assustador olhar aquele playmobil defeituoso do Cloud e tão agradável olhar aqueles 32 bits gargalhantes do Kefka.
          Grim Fandango foi feito nessa época em que polígonos eram feios e quadrados, por isso tiveram a sacada de fazer toda a arte "quadrada", aí quadrado naquela época ainda é quadrado hoje.
          No caso do Okami, galera descobriu cell shading e viu que isso era ótimo pra fazer parecer desenho, por isso fizeram toda essa temática em volta da pintura oriental e encaixou perfeitamente sem precisar poligonos pesados e tal. Claro, logicamente a versão HD deixou o jogo bem mais bonito e suave, mas nem por isso a versão antiga ficou feia.

          • Mas se eu estiver falando merda, alguém, por favor, me corrija. 8D

          • safomatetor 3 anos atrs

            Hmm interessante, mas o kefka era 16 bits XD
            Sei la, no caso do FF 6 pode até ser sabe, mas o 7 por exemplo acho que era meio uma limitação tecnica, porque aqueles quadrados foi o que eles conseguiram fazer na epoca, mais ou menos isso, até porque o 8 e o 9 da um salto em gráfico absurdo.
            Interessante esse estado de arte:
            "O "estado da arte" indica, portanto, o ponto em que o produto em questão deixa de ser um projeto técnico para se tornar uma obra-prima."
            O Okami pode ser isso porque chegou num nível de gráfico que transcende a técnica gráfica para simplesmente ser bonito, nossa, da pra dar uma viajada legal nisso, auehuaehea.

            Então, saimos totalmente da discussão do post, mas valeu.

          • Na verdade, eu queria me referir a altura dele, só que não são 32, mas sim 24 e não são bits, mas sim pixels…

            O lance é que o FFVI atinge esse Estado da Arte, o FFVII, não (no quesito gráfico, antes que eu leve uma massamune nas costas). É um dos motivos pelo qual muita gente hoje descobre que prefere um ao outro.

            Quer viajar mais nisso, faça faculdade de design com filhos de professoras de Arte ou psicólogos, melhor (ou pior) lugar não há.

            Enfim, concluímos que, pela indústria de games ter descoberto só recentemente que esse conceito pode ser aplicado em jogos, essa ultima geração se apropriou bastante disso (Scott Pilgrim, Journey, Rayman Origins, Super Meat Boy, Portal…), ou seja, pode valer a pena entrar nessa geração a essa altura do campeonato sim.
            (Problema de fuga da discussão resolvido xD)

          • safomatetor 3 anos atrs

            aeuhauhaeueaha, boa solução para a fuga do tema.

  • gf_rafael 3 anos atrs

    Bom tema,
    tenho vários amigos que me perguntam isso.
    Falo para eles pensarem na biblioteca de jogos disponível dos consoles atuais e na tendência que consoles novos têm de possuir poucos jogos.
    O único console que acho q não vale a pena comprar hoje é o Wii, por causa da retrocompatibilidade do Wii U.

  • Mathias 3 anos atrs

    Putz to passando por isso agora, finalmente me livrei da maldição, a um ano atras eu achava que era melhor esperar pela proxima geração me corroendo ouvindo podcasts e sabendo das maralvilha que eu estava perdendo como Mirror's Edge.
    Mas quando anunciaram GTA V tive que apelar, queria comprar um xbox, mas me lembrei dos meus primos que tem ps3 e isso iria me ajudar com os jogos(pegando emprestado) visto que eu demoraria um pouco para começar a compra-los, ja que tive que comprar um console e uma TV descente juntos.
    Pois bem, comprei um ps3 no fim do ano passado e agora ja estou podendo comprar meus jogos, não me arrependi, tenho planos de correr atras jogando tudo que quero esse ano e talvez no proximo, assim que a proxima geraçao estiver mais aquecida e livre dos bugs iniciais dos primeiros anos de lançamentos dos consoles aí eu compro um de boa, assim entro na proxima geração sem atrasos e ainda levo meu ps3 de lambuja, para caso queira jogar um ou outro que me escapou.

  • GabrielVRosa 3 anos atrs

    apesar de estar acostumado com hysterias gigantes acabei gostando desse, rápido e direto ao ponto
    eu era do pessoal que achava perda de tempo comprar um console dessa geração sendo que PS4 já ta quase batendo na porta,mas depois de ler devo admitir que você esta certo
    não passei muita dor de cabeça com o meu PS3(já tenho ele já faz um tempo,comprei ele quando o bioshock tinha sido lançado pra você ter noção),mas em questão de dinheiro era fato que era bem mais difícil ter jogos na época do que hoje,e provavelmente vai ser assim na próxima geração,pra você ter ideia,na época um lançamento custava 220 reais e hoje ta faixa de 170,olha a diferença,isso não tem muito a ver mas queria expor como ta valendo a pena pegar um PS3 hoje do que 3 ou 4 anos atras(não lembro quando peguei o meu)
    de qualquer forma acho que eu não tinha pensado direito,ter um PS3/Xbox hoje em dia vale a pena,mesmo se for só pelos "clássicos" ou must play para alguns

  • Com certeza vale. No final da geração você tem de cara os melhores títulos da biblioteca do console, fora as preciosidades que podem sair no finzinho da vida como os casos que vc citou no PS2 (acrescentaria Persona 4, que jogo até hoje). Comprarei meu PS3 (e quem sabe um 360 e Wii tbm) neste ano com certeza!hehe

    • LesmaPsicotica 3 anos atrs

      Haaaa, Persona 4….
      Joguei ele por emulador, mas to pensando em pegar um PS2 só para jogar ele(entre outros classicos, já que eu não tive o console.) XD

      • Vale a pena. O replay é altíssimo. Tenho quase 200h e tive de me controlar pra não começar o new game + novamente pra pegar as personas dos 4 social links que não consegui completar. E o pior é que ainda tá divertido.

        Se tivesse verba comprava um Vita apenas pra jogar P4Golden. Inseriram muitas coisinhas que aumentam ainda mais esse replay, mas enquanto não dá vou jogando no PS2 mesmo.

        • LesmaPsicotica 3 anos atrs

          Pois é. Estou roendo minhas unhas pelo Persona 4 Golden. O que mata é o preço do Vita :(

          Persona 4 é um dos meus jogos favoritos.
          Umas das minhas frustrações é ter terminado o jogo sem ter terminado o social link da Fox XD
          Deu uma vontade de jogar agora, acho que ainda tenho meu save. Começando new game+…

          • É, o preço do via é que deestroi o sonho. Quem sabe daqui a uns 2 anos?hehe

            Puxa, terminou o jogo com apenas o social link da Fox faltando?Tá manjando.
            Eu Joguei 2x e ainda faltam a Naoto, o Naoki (o irmão da menina que o Yusuke era gamado), a Eri (a madrasta) e a Ai Ebihara (a manager do club de esporte). Desses o que me fez falta a ponto de talvez rejogar é o da Naoto pois a persona final da Arcana dela é essencial pra fusionar o Izanagi-no-Okami, e eu não sabia.U_U.

            O ruim do new game+ do Persona 3 e 4 é que você recomeça com nivel 1 e os S.links são zerados (mas não precisa refazer os que já maximizou na partida anterior). Pra fazer a presona que quero teria de upar até level 90 pela 3ª vez…mas vale a pena jogar. Só no new game + você pode fazer a persona suprema e enfrentar a Margareth (pauleira, mas consegui^^)

          • LesmaPsicotica 3 anos atrs

            Não, não. O que eu quis dizer é que eu terminei o jogo com um monte de social link faltando, mas o da Fox era o que mais me chamava a atenção. Puts, uma rapoza com uma cicatriz e que te vende maconha, quer dizer, ervas medicinais é um negocio muito bizarro :D

          • Ah, certo, já tava me achando um merda aqui.heheh. Brincadeira.
            Até dá pra terminar com todos os S.Links na primeira jogada, mas tem que ter a relação de dia/aparição/disponibilidade de cada um na cabeça…ou usar o gamefaqs.

            A Fox era legal, mas meio decepcionante no final pra mim. Tem outros bem mais interessantes, começando pelos amigos da party, a Nanako e o Dojima, claro. Fora esses meus preferidos são a enfermeira ^^ e a velinha. Enfim, vale a pena rejogar mesmo. Tente encarar a Margareth!!

  • Como uma boa retrocompatibilidade não ajudaria nossas vidas nessas horas, né?

  • Eu comprei um PS3 há uns 3 meses e não me arrependo nem1 pouco justamente porque tem MUUUITO jogo que quero muito jogar:
    – God of War
    – Uncharted
    – Journey
    – Dead Nation
    etc, etc, etc.

  • Eu sempre estive uma geração 'atrasado', tive o PS1 quando saiu o PS2… o PS2 quando saiu o PS3 e só peguei um PS3 em 2009 pq fui pro exterior à trabalho, do contrário acho que teria adquirido algum console dessa geração bem depois…
    Acredito que vale a pena sim entrar na geração a essa altura do campeonato por três motivos, o primeiro é dinheiro. A nintendo já lançou o Wii U, a sony vai anunciar o PS4 e a Microsoft o próximo Xbox (na boa, Xbox 720 é um nome muito ruim… me recuso a chamá-lo assim) e muito provavelmente esses consoles vão custar os olhos da cara aqui no Brasil, como foi quando o PS3 foi lançado a R$6 mil em alguns lugares… É muito fora da realidade, compensa sim comprar um PS3 ou um Xbox 360 agora, pelo segundo motivo, os jogos. A biblioteca desses consoles é enorme e cheia de ótimos títulos e quando quiser aproveitar algo da geração passada, temos o terceiro motivo, que são os re-lançamentos em HD, com todas as funcionalidades de títulos atuais como troféus e outras papagaiadas.
    Estou bastante animado para o lançamento dos consoles da próxima geração, mas daí até eu poder ter um tem um bom tempo, e tempo é dinheiro. :P

  • Rafaeltaira 3 anos atrs

    Pra mim dane-se consoles de mesa. São todos fora dos meus niveis de interesse.
    Realmente gostaria de embarcar no mundo dos portáteis. Esperando primeiro abaixar o preço desses novos ae(PSP vita e 3DS) e até onde eu sei o roda jogos de DS no 3ds e roda os de PSP no vita. então vou ficar nessa ae.
    Problemas pra achar jogos usados ou jogos antigos? Mercado Livre é a Solução! Lojas de games físícas realmente hj só servem pra vender acessórios.

    • "Problemas pra achar jogos usados ou jogos antigos? Mercado Livre é a Solução! Lojas de games físícas realmente hj só servem pra vender acessórios. "

      huuum… eu diria q a sua visão sobre o assunto está um pouco distorcida…

  • Rafaeltaira 3 anos atrs

    O que é essa YLOD que você escreveu? Se for usar abreviações ou siglas coloque o significados delas no texto. Ninguém é obrigado a saber tudo.

  • yellow light of death
    3RL vc sabe né? é a mesma coisa só q pro ps3
    é uma sigla recorrente aqui no site

  • GordinhodoBaixaki 3 anos atrs

    Vale mais agora que anos atrás , tem uma infinidade de jogos , os consoles custam menos que a metade de um tempo atrás ( o meu PS3 paguei 1800 há 4 anos atrás , hoje se encontra por 799 ) , e os melhores jogos são os mais antigos e baratos .

    • Considerando que o PS2 já custou isso e agora você compra por 10x de 29 sem juros, a cada dia vale mais =]

  • Tohno Shiki 3 anos atrs

    Ultimamente a minha vontade é de comprar um XBox só pelo pessoal que joga SSF4 ou Mahvel mesmo, eu meio que possuo um console (que na verdade é da minha esposa, o PC é a minha plataforma)