F4 e saudações! Sempre repeti aqui na SaveState os aspectos positivos da emulação de videogames: jogos online, melhores gráficos e o revival de jogos antigos. No entanto muita gente não curte a experiência de jogar em um teclado ou no monitor de computador, achando que nada substitui a jogatina com console, joystick e TV.

Eu sou fã de emulação e ainda assim tenho que dizer que esses caras tem razão, pois essa é a maneira que esses games foram feitos para ser apreciados. Mas cartuchos estragam, CDs arranham, fios arrebentam e consoles velhinhos podem pifar. É possível curtir nossos jogos vintage sentados no sofá da sala para todo o sempre?

Felizmente, a resposta é sim. Emulação entre consoles (cross console emulation) não é nenhuma novidade para a indústria dos games. Na década de 80, o Colecovision e o Atari 5200 possuíam acessórios que permitiam jogar cartuchos de Atari 2600. No Atari 7200 o slot do cartucho antigo já fazia parte do próprio console. Assim, a Atari foi a primeira empresa a permitir a retro compatibilidade entre seus consoles através da emulação, e anos depois foi seguida pela Sony e a Microsoft com suas linhas PlayStation e Xbox.

(Não esqueci da compatibilidade entre o Nintendo Wii com o Game Cube, mas ela é possível porque o Wii é um GC em uma caixa diferente os dois consoles possuem a mesma arquitetura. Os jogos do GC são naturalmente compatíveis com o Wii e não precisam de emulação.)

Mas a emulação entre consoles não está limitada entre aparelhos da mesma família ou fabricante. Nos últimos anos os videogames tem se tornado tão (ou mais) poderosos que um computador convencional, então é natural que eles também sejam capazes de rodar emuladores de consoles das gerações passadas. A indústria percebeu  a pepita de ouro que tinha nas mãos. A Square, por exemplo, embolsou uma boa grana com o relançamento alguns dos seus RPGs de SNES para PSOne e GBA, assim como a Sega e suas coletâneas de jogos clássicos. A geração atual se tornou o novo Éden dos jogos retrô. Nunca tivemos tanto acesso a jogos antigos quanto antes:

SS nintendo-wii-consoleVirtual Console

Os proprietários de consoles da Nintendo com um cartão de crédito com bandeira internacional podem comprar muitos jogos antigos no Wii Shop Channel e Nintendo eShop. O Virtual Console possui uma biblioteca generosa de games, com  títulos de NES, SNES, N64, Master System, Mega Drive, TurboGrafx, Neo Geo, Commodore 64 e MSX. Mesmo sem considerar emuladores homebrew, o Wii é a plataforma definitiva do gamer saudosista.

Prós:

  • Os jogos são baratos: custam entre 500 e 1200 Wii Points, cada 100 pontos valendo $1.
  • Generosa biblioteca de jogos: a loja da América do Norte pra o Nintendo Wii conta com mais de quatrocentos jogos para 9 sistemas.

Contras:

  • As contas de eShop da Nintendo estão vinculada ao console. Se ele estragar ou for vendido, você vai ter que comprar todos os jogos novamente
  • Para a maioria dos jogos você vai precisar de um Classic Controller

SS PS-Vita-classicsPS Classics

É muito difícil encontrar a venda um antigo PS3 retro compatível, e mais difícil ainda é encontrar um gamer brasileiro que tenha jogos originais de PSX e PS2.

Mas temos a oportunidade de adquirir esses jogos legalmente com a seção dos PS Classics na PlayStation Store, pelo mesmo preço do jogo pirata de antigamente!

Prós:

  • Os jogos são baratos: a maioria dos jogos de PSX custa em torno de $6, e os de PS2 $9
  • O jogo de PSX roda tanto no PS3 quanto no PSP
  • Quem assina PS+ já recebeu muitos desses games “de grátis”

Contras:

  • O Virtual Console tem jogos de 10 videogames, aqui são apenas dois
  • A loja japonesa tem muitíssimos jogos, mas a da América do Norte é mais limitada
  • Na loja brasileira, nós pagamos mais caro pelos jogos.

SS sonicultimateampliadaColeções de clássicos da Sega

A Sega já lançou coleções de jogos de Mega Drive para diversas plataformas. A mais recente, Sonic’s Ultimate Genesis Collection (Mega Drive na versão européia), saiu para PS3 e Xbox 360 e é para viúvo da Sega gamer nenhum botar defeito. Ela possui quarenta dos melhores jogos de Mega Drive, e 9 jogos bônus que incluem games de Master System e Arcade.

Além disso, joguinhos a vulso da Sega são vendidos por um precinho camarada na PSN, Live Arcade e Virtual Console.

Prós:

  • Tem tudo de bom que se espera em um emulador: filtros gráficos, SaveState (!), display wide-screen
  • Os jogos são baratos: com o preço sugerido de $30, custa praticamente $0,60 por jogo!
  • Os 3 primeiros Sonic. Os 3 primeiros Golden Axe. Os 3 primeiros Streets of Rage.

Contras:

  • Nenhum. Com um precinho camarada tu tens uma coleção de jogos de Mega Drive mais completa que a maioria dos seguistas xiitas.

SS OUYAOuya

Estou exercitando minha futurologia aqui, mas é uma conclusão bastante natural: Ouya vai ser o paraíso dos emuladores para console.

A plataforma é aberta, e o acesso ao dev kit é relativamente facilitado. O hardware do Ouya é bastante similar ao de um celular, e ele roda o sistema operacional Android. É uma questão de tempo até pipocarem emuladores para o console.

E distribuição é a única questão não respondida. Será que emuladores serão liberados na loja virtual do Ouya? Ou sendo um videogame “hackeavel” será simples instalar esse software de outra maneira?

Prós:

  • Já existem emuladores para Android na Play Store do Google. Bastaria gerar uma versão Ouya do mesmo programa
  • Ouya é um videogame baratinho. Custa apenas $100 lá fora.
  • Podem esperar: a SEGA deverá vender seus clássicos aqui, como já faz no Wii, PS3 e XBox.

Contras:

  • Ainda não temos informações sobre como vai funcionar a loja do Ouya, mas provavelmente teríamos restrição na venda de emuladores, por conta da pirataria das ROMs.

SS Live ArcadeXbox Live Arcade

Conta com uma coleção bastante sortida de jogos de Arcade e consoles da geração passada.

Mas como vocês sabem, eu não tenho um Xbox 360 e entendo LHUFAS do mundo Microsoft. Mas a SaveState continua nos comentários, digam o que vocês pensam da Live Arcade: quais os prós e contras  dela em comparação com as outras plataformas?

O mercado reconheceu todas as vantagens que da emulação, especialmente reviver jogos antigos e torná-los independentes de mídia e sistema. Mas emulação é democrática e não está apenas nas mãos das grandes empresas. A comunidade também cria software para consoles, e emuladores obviamente estão entre os mais populares. Mas esse assunto é denso e fica para o futuro, hoje ficamos por aqui. F2 e até logo!

Computólogo, RPGista, Gamer, viúvo da Sega e Sonysta.

Twitter 

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*

16 Comentario(s)

  • Muito legal Ogro. A emulação e retrocompatibilidade ajuda muito tando a galera saudosista quanto quem não acompanhou na época mas tem curiosidade de conhecer os clássicos do passado.

    O Virtual console realmente fez a alegria de muita gente, mas sinceramente essa política da Nintendo de associar os jogos ao console é bem safada. Custava deixa-los ligado a conta? Depois falam da Capcom ¬¬

    Falando a Capcom ela tbm lançou coletâneas de jogos de arcade clássicos da dácada de 80-90 pro PS 2 antes da onda retrô que assila as redes de online (na verdade praticamente todas as grandes softhouses lançaram coisa parecida no PSX e PS2 como a Atari, Midway e a Taito por exemplo). OS Capcom Classcs colletion vol 1 e 2 tem a nata do melhor que a empresa produziu nos arcades com um tratamento excepcoional. Além de bem emulados, os jogos contam com cheats desbloqueáveis ao se cumprir desafios (quase como achievements com prêmio), vídeos com curiosidades e dicas.
    Mas a maior pérola pra mim foi a versão modificada do pre-hitórico Quiz and Dragons com perguntas de jogos de todas as épocas da empresa. De fazer qualquer fã chorar. http://www.youtube.com/watch?v=NmpWonBl1uc

  • Eu sou seguista chiita e acho que o Sega Genesis Collection foi uma ótima oportunidade pra eu começar a me redimir da minha vida de crimes…
    O Ouya, pela lógica também vai rodar Sonic CD, que, a menos que eu esteja errado, tem emulador próprio.
    Os Sega Dreamcast Classics (PC, LiveArcade) também são emulados, acho.

    • Eu não vi os jogos de Dreamcast da Live Arcade, mas no caso da PSN eles parecem ter sido portados para o console, porque suportam resolução alta. Mas não vi os jogos pessoalmente, então não estou certo.

      Outros da Sega, como Nights e Daytona USA com certeza são ports, e não emulação

      • Tomara que o DC collection pra PSN e Live sejam ports mesmo,porque o do PC nao vale a pena. É horrivelmente mal emulado e cheio de bugs (injustificável pro caso de Sonic Adventure e Crazy taxi que tinham versões próprias pra PC bem melhores anos atrás).

        Já Nights, Sonic Adventure 2, Daytona e Jet Set Radio valem muito a pena. São realmente versões HD com alguns extras bacaninhas.

  • Gordinho do baixaki 3 anos atrs

    Pra mim você esqueceu alguns contras dos PS classics do PS3 , os jogos não tem nenhum filtro gráfico ( aquele de " suavisar " e nada é a mesma coisa ) , savestate , nada , ficam horriveis de se jogar hoje em dia em qualquer tv HD ou Full HD .
    E digo de experiência própria , comprei o RE2 e é um borrão pixelizado , já no ePSXe com os filtros é uma maravilha .

    • Bem lembrado … jogar o 1o resident evil de PSX na TV LCD é horrivel … acho que atari é mais bonito.

      • Vixe, é ruim assim é? Mas os classics podem ser jogados no PSP/Vita tbm né? Acredito que na telinha fiquem bem melhores. Pelo preço tá valendo.

        • Jogando Grandia no PSP ja fica mais bonitinho que na TV …

          Mas o RE2 é mazoumeno jogavel, mas feio. RE3, um pouco…. o RE1 é que é HORRENDO.

  • Gordinho do baixaki 3 anos atrs

    Ogro , você que deve ter uma super-máquina , o emulador de PS2 roda bem contigo ?
    No meu pc rodo todos os emuladores de boa , PS1 , Dreamcast , Dolphin … Mas o de PS2 é complicado , dos jogos que tenho poucos rodam sem problemas , a maioria trava , fica com fps muito baixo …
    Não sei se o emulador de PS2 precisa de um pc da nasa ou se ainda tem muitos problemas de programação …

    • faz MUITO tempo que usei emu de PS2 a ultima vez … e meu micro era uma porcaria na epoca.

      hoje em dia nao é muito melhor, mas vou testa-lo de novo quando escrever sobre ele.

      • Os Emus de PS2 continuam exigindo uma máquina razoávelmente boa pra rodar os jogos de maneira satisfatória. U_U
        No meu PC da Xuxa, Ico (que ainda era da época dos jogos em CD) rodou a menos de 13fps. Mas se tiver uma máquina com processador, ram e VGA básicos pra game roda quase tudo tranquilamente.

        • Gordinho do baixaki 3 anos atrs

          Acho que não , meu pc é básico ( Core 2Duo , 4GB de ram e vga HD7750 ) tenho uns 15 jogos de PS2 , os que rodam perfeitos , em hd a 60 fps :
          GOW , roda liso parece o remake de PS3 ;
          Onimusha ( o 1º ) perfeito também ;
          Yakusa 2 , perfeito ;
          Front Mission 2 , Silent Hill Oringins também rodam ok .

          De corrida , tenho GT4 , NFS Underground 2 e Ridge Racer 5 , todos travam ou rodam com baixíssimo fps .

          Ico roda , mas com bugs gráficos , e Shadow of Colossus fica com um fps abaixo de 25 …

          O Gamecube tem hardware melhor que o PS2 e quase todos os jogos no Dolphin rodam perfeitos , então acho que é problema na programação do pcsx2 , que deve ser bem díficil …

          • Então, foi o que eu disse gordinho com "G". Com um PC básico como o seu dá pra rodar quase tudo satisfatóriamente. Os emuladores de PS2 ainda tem muitos problemas de compatibilidade, mas o que funciona funciona legal, se o PC cooperar. Não é o caso do meu PC da Xuxa.
            Como ainda tenho meu PS2, isso não faz muita falta. #partiujogarFatalFrame3 XD

  • Rodrigo Gato 3 anos atrs

    Esse virtual console ai ainda está de pé? Tem no wiiU também?

  • A Sega tem estes pacotes de clássicos na Steam também. Pode-se comprar os jogos separadamente (por volta de $ 5 cada) ou nos 'pacotes de clássicos', com 10 jogos (!) por $ 19,90.
    Vale muito a pena.

    Eu costumo jogar com controle de PS2, usando o JoyToKey. Saudosismo total! hauhau

    Té.