De acordo com a Wikipédia, “Preconceito (prefixo pré- e conceito) é um ‘juízo’ preconcebido, manifestado geralmente na forma de uma atitude “discriminatória” perante pessoas, lugares ou tradições considerados diferentes ou ‘estranhos’”. E querendo ou não, a maioria de nós tem um preconceito. Pode ser com polidáctilos. Com a Sega. Com coisas novas. Funk. Calypso. Emo. Tem gente que não joga casuais. Eu não curto nenhum tipo de jogo de ‘esportes’ – seja corrida, futebol ou olímpiadas. E, até bem pouco tempo, não tinha o costume de jogar FPS em consoles. E perdi ótimos jogos!

Dizem que o mouse foi inventado pela Xerox, roubado pelo Jobs e ‘clonado’ pelo Gates para facilitar a usabilidade dos computadores… Mas todo mundo sabe que, na verdade, o mouse foi criado para que pudessémos jogar RTS e FPS. A cada geração de consoles, a precisão dos joysticks se aperfeiçoa, aproximando-se do velho companheiro de aventuras do pc…

Como já chorei minhas pitangas relatei nessa coluna, perdi a ‘geração anterior’ de consoles, então o mais próximo que tive de FPS no joystick foi Duke Nukem Total Meltdown no Psx (E o ótimo Goldeneye – que é exceção, e não regra). E aquela jogabilidade quebrada do Psx me acompanhou no início dessa geração….e eu ainda tentando entender a popularidade dos FPSs. Curiosamente, sempre gostei muito dos TPS: Tomb Raider, Uncharted, Gears of War, Vanquish, Mass Effect…

A Primeira Vez a gente nunca esquece…

E então veio 2011, corte de preço do Xbox 360 nacional e eu finalmente consegui comprar o meu. Minha esposa (essa linda) me deu de aniversário o Halo: Combat Evolved Anniversary e eu finalmente pude jogar um FPS atual. E olha que eu tentei (muito!) jogar Fallout 3 / New Vegas como FPS, mas a minha habilidade em mirar com os analógicos era sofrível. Talvez tenha sido toda a experiência ganha com os TPS. Ou eu simplesmente ‘melhorei’. Só que, de repente, eu vi que podia jogar esse gênero! Por ser um perebão, ainda ficava relutante em comprar um jogo de tiro e não gostar. E então a PS+ nos ‘presenteou’ com o Borderlands original – que não era um ‘FPS puro’, mas foi finalizado com louvor.

Sabe aqueles personagens tão carismáticos, mas tão carismáticos que te fazem querer jogar um jogo? Vaas, o antagonista de Far Cry 3, pertence a esse grupo. E ele foi o diferencial para que eu alugasse FC3 , me viciasse e conseguisse a minha cópia desse que foi um dos melhores jogos do ano passado. E veio o veredito na minha cabeça: eu consigo jogar um FPS! E tudo por conta do Vaas!

Esse cara me mostrou a luz!

Esse cara me mostrou a luz!

E 2013?

Se eu tenho um (outro) problema, é a facilidade de ser atingido pelo caminhão do Hype. Junte-se isso ao presente que a Sony me deu (US$ 10.00!) + uma promoção (a cada US$ 50.00 que você gastar na PS+ a Sony te devolve US$ 10.00) + a quantidade gigantesca de marketing que Bioshock Infinite trouxe… eu não resisti, peguei no Day One (‘saiu’ por US$ 40.00!) e estou ‘apaixonado’ pelo jogo. Valeu cada um dólar impresso no país do Obama. E ter a Elizabeth como ‘sidekick’ é ótimo, que o comportamento dela vire exemplo pra todos os ‘personagens indefesos que estão te seguindo’…

Ainda estou criando coragem para jogar Battlefield (o ‘mais recente’ que joguei foi o 1942) ou Call of Duty. De acordo com a minha esposa (que quase sempre acerta) , eu não gosto de FPS simples, só com armas. Tem que ter um poderzinho para deixar a parada legal, ou uma história que realmente me envolva . Talvez isso explique o Bioshock. E o Far Cry 3. E o porquê de não ter finalizado Halo: Combat Evolved Anniversary…

Fica a lição: não seja um mimizento preconceituoso. Talvez você seja só um looser que não sabe jogar! Já providenciei o aluguel de Gran Turismo 5 e, apesar de continuar não curtindo, me divertiu por uma tarde. Tenha propriedade para falar mal! Não use argumentos ‘da net’, crie os seus mesmos! Afinal de contas, se eu dormi quatro vezes durante Heavy Rain o jogo não pode ser lá essas coisas…

PS: Estou pensando em alugar um Futebol, pego Fifa ou PES? Respondam aí nos comentários!

Bruno Esteves

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*

15 Comentario(s)

  • Concordo Bruno. Que bom que superou sua "dificuldade" com FPS. Quem diria que o Vaas faria bem a alguém?hehe

    Mas esse assunto é interessante. Muitas vezes me pego com precoceitos contra certos games, mas sempre tento superar e enxergar o que tem de bom neles. Um caso recente foi com o DMC, o reboot de Devil May Cry. Como fã da série desde o primeiro, adorava o estilão anime dos personagens e curtia bastante o Dante. Minha primeira reação ao ver o novo visual do personagem foi a pior possível e foi piorando com o tempo. Tinham mudado a história, mudado o visual, transformado o Dante num maloqueiro ianque…mas quando o jogo saiu de fato, percebi que não era tão ruim assim. Ainda prefiro o original e achei o enredo pior que a mudança de visual do Dante (principalmente na mudança de personalidade do Virgil e a origem dos irmãos Sparda), mas esse meu gosto não me impede de reconhecer as qualidades do game.

    O mesmo ocorre com jogos de esporte. Dificilmente consigo jogar qualquer um por mais que 5min sem achar chato, mas não nego oportunidades de experimentar.

    Futebol eu sugeriria algo mais interessante: Megaman Soccer. Mudará seus conceitos!hehe

    • safomatetor 3 anos atrs

      você acredita que nunca na minha vida inteira joguei DMC…

      • Porque safomatetor? Falta de oportunidade ou não curte mesmo Hack'nslash com elementos de plataforma? Se tiver jogado e gostado de Pop, Bayonetta, God Of War ou Onimusha tem grandes chances de apreciar. Recomendo o DMC 3 e não recomendo o 2 , mas todos os outros incluindo o novo (apesar de eu não ter curtido as mudanças nas origens e nos personagens que citei) são games muito divertidos.

        • safomatetor 3 anos atrs

          todos esses que você falou nunca joguei, nunca curti mesmo hack'n slash, mas ta ai ne o artigo mostra que eu devo dar uma chance, eu ainda devo jogar god of war, um dia.

          • Pois, dê uma chance, vai que curte? GoW é uma ótima opção no gênero.^^

          • safomatetor 3 anos atrs

            pois é, vou ve se pego aqueles HD collection por um preço bacana, haha.

          • LesmaPsicotica 3 anos atrs

            Pois é, eu também não vou muito com a cara de hack'n slash.
            Algum dia eu tenho que pegar o God of War para jogar. Vai que esse é o meu gênero preferido e eu ainda não sei XD

    • Nunca joguei megaman soccer, mas gostava muito de um jogo de 'futebol' e de basquete dos Tiny Toons (acho que era o ACME All Stars, ou algo do tipo).

      Uma das coisas que eu mais 'odeio' é o não ter tido a oportunidade de jogar algns clássicos quando foram lançados… Não tive a oportunidade de jogar o DMC ainda, mas dos 'canônicos' só joguei o DMC4.

      E ainda quero sentir um gostinho de FIFA/PES…

  • safomatetor 3 anos atrs

    Eu sofro da síndrome de não conseguir jogar FPS em console, não consigo, poxa vida eu já tentei, se bem que comecei pelo mais difícil (beta do crysis 3) MAS, poxa mas eu joguei tão mal, mas tão mal que eu voltei pro PC pra jogar BF3 e me ver disputando os primeiros lugares em pontuação, ai resolvi, FPS só PC,
    "se eu dormi quatro vezes durante Heavy Rain o jogo não pode ser lá essas coisas…"
    aeuheauheauheauheau muito bom em.
    Mas gran turismo eu sou apaixonado, não fale mal por favor ):

    Jogo de Futebol só é legal para mim quando uma galera junta pra fazer um campeonato dos noobs (ou nem tanto) mesmo eu perdendo é legal ver os outros zuando e tals, e se for pra escolher um dos dois pega o mais barato, aueheauhaeuh, ou se não vai joga ronaldinho soccer 96

    • Sério, eu entendo o tanto que HR é elogiado. Inovação, enredo (com alguns furos) mas, PRA MIM, foi uma experiência beeeeem chata. Claro que teve os seus pontos altos (como a agonia de 'cortar' o dedo), mas fazer um mini game pra ninar um bebê… talvez a experiência no Move seja mais completa. Ou não, vai saber.

      GT 5 é bem bom. Tão bom que até eu, que não costumo gostar de jogos de corrida, não percebi a tarde passando. Só queria que tivesse um modo mais 'fácil' para liberar carros, pq queria muito ter feito uma corrida de Kombi e não achei essa opção…

      • safomatetor 3 anos atrs

        ueahuaehueaheau a corrida de kombi tem que ser nos eventos especiais na parte topgear, se eu não me engano é no nível intermediário, você tem que ter um certo level para poder jogar lá, é muito massa chegar a 80km/h em 50 segundos dirigindo aquele carro bem grandão haha

  • Pocket Vin Diesel 3 anos atrs

    Acho q o unico preconceito que eu tenho são com jogos estilo RTS….agora falando de FC3 porra…é tão bom que se qquer pessoa que tiver um pé atrás com FPS…e der uma chance para ele…vai curtir!!!

    • safomatetor 3 anos atrs

      poxa eu já sou super viciado em RTS, muito mesmo, não jogo bem, mas não dispenso uma partida.

      • Eu tb sou perebão em RTS, mas adoro o gênero. Estou doido pra pegar o SC 2: HoS, mas vou esperar uma promoção marota…

  • LesmaPsicotica 3 anos atrs

    Me lembro que anos a trás eu tinha um grande preconceito com RPGs. Para mim, eram os jogos de "conversinha e personagens com espadas gigantes". Hoje em dia ele é o meu gênero favorito dos games, e todos os jogos do meu top 3 são RPGs :D