F4 e saudações, amiguinhos! Hoje vou falar de um recurso da emulação muito popular entre os seus fãs: a tradução de ROMs.

DonkeyKongPaulineEditionROM Hacking é o processo de modificar a ROM de um jogo para alterar seus gráficos, diálogos, níveis, etc. Há pouco tempo, um ROM hack que ganhou destaque foi a versão “para meninas” de Donkey Kong em que Pauline tem que salvar Mario do gorila-título. Normalmente, a ROM é editada usando um editor hexadecimal e algumas outras ferramentas criadas para cada jogo específico (como o editor de fases para Super Mario Bros).

Enquanto brincavam com os bytes dos jogos, os hackers perceberam um grande potencial para essas ferramentas: e se jogos japoneses aclamados, que nunca foram lançados oficialmente Estados Unidos fossem traduzidos por um hack? Na era 16 bits isso foi muito comum, afinal, traduzir e adaptar todo o roteiro de um RPG era muito trabalhoso. Isso foi feito apenas com jogos em que o retorno financeiro era garantido.

Além de traduzir jogos que nunca viram uma versão ocidental, a comunidade de tradutores de ROMs seguiu forte com projetos de tradução de jogos sem a censura ou cortes feitos na tradução oficial. Jogos passaram a ser disponibilizados em outros idiomas além do inglês, e vários RPGs clássicos estão com versão em português brasileiro.

ff5e-04bO processo de tradução da ROM tem algumas etapas mais complexas do que a simples transcrição de um texto em outro idioma:

  • em um jogo em japonês que não possui caracteres ocidentais devem ser criadas as fontes usadas nos textos do jogo. Esse é um processo manual, editando os tiles do jogo que correspondem aos sprites de letras. Uma tabela é criada para referenciar cada um dos tiles que forma as letras.
  • já com o texto traduzido em mãos, o hacker irá utilizar a tabela de fontes para reescrever as caixas de diálogo, menus e demais textos do jogo. Ou seja, vai escrever em hexadecimal o valor de referência pra cada letra que está na tabela.
  • Se o texto traduzido se tornar mais longo que o original, ainda deverão ser incluídas mais janelas para o diálogo, comportando o texto maior.

Sim, vocês podem imaginar o trabalhão que isso dá, já que não é uma simples tradução de um texto legível, mas sim a mais pura escovação de bytes. Por isso, alguns projetos acabam levando anos para serem concluídos.

1333screenshot1Embora a tradução de ROMs e a distribuição seja considerada violação de direitos autorais, muitos developers orientais apoiam e dão suporte a traduções de jogos que nunca veriam uma versão ocidental. Por exemplo, os criadores de Mother 3 enviaram mensagens de suporte ao tradutor da ROM do game.

E é agora que o amigo leitor pergunta: Ogro, onde diabos eu encontro esses games traduzidos?

Muitos sites pela internet possuem os patches para modificar e traduzir ROMs. O maior repositório de hackings é o Romhacking.net. Inclui traduções para diversos idiomas, incluindo português. Instruções para hackear as ROMs e usar as traduções que linkei abaixo se encontram nesse site.

ROMs que eu recomendo

Final Fantasy V: tivemos diversas versões pós-Super Nintendo desse jogo oficialmente em inglês, mas por muito tempo apenas essa versão hackeada do game era acessivel aos ocidentais.

280screenshot3Bahamut Lagoon: clássico RPG de estratégia pra o Super Nintendo, nunca entendi porque não houve uma versão oficial nos USA. Bueno, a versão traduzida pelos fãs do jogo está aí e não deixa nada a desejar para uma versão comercial.

Seiken Densetsu 3: se fosse lançado no ocidente, esse jogo se chamaria Secret of Mana 2, um dos melhores action RPGs já feitos. A Squaresoft como sempre zoando a numeração sequencial de seus jogos …

Tales of Phantasia: o primeiro da série “Tales”. Eventualmente tivemos uma versão oficial em inglês para GBA, mas a ROM traduzida de SNES foi a primeira disponível. Primeiro (e talvez único) jogo de SNES capaz de reproduzir a voz humana sem parecer um gato berrando de dentro de um tonel de metal distorção.

Mother 3: Eu ainda não pude jogar esse game, mas ele é tão aclamado pelo público que entrou na minha lista de must play. É a última parte da série Mother, cujo primeiro jogo chegou ao ocidente com o nome de … Earthbound. Esse fato por si só já faz esse game merecer nossa atenção.

1469screenshot2Chrono Trigger: Sim, esse game foi lançado nos Estados Unidos. Mas a versão em português do jogo merece destaque, já que torna o maior clássico dos JRPGs acessível a quem não domina o inglês.

Chrono Trigger: De novo? Não, eu não estou maluco ainda: agora essa versão em inglês produzida por fãs altera algumas escolhas feitas pela localização original de Chrono, além de reincluir as referências a religião feita pelo texto original.

E vocês, possuem alguma tradução de um game ao qual tem carinho? Preferem a versão traduzida pelos fãs, ou a versão oficial? Comentem e estendam essa SaveState nos comentários. F2 e até logo.

Computólogo, RPGista, Gamer, viúvo da Sega e Sonysta.

Twitter 

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*

9 Comentario(s)

  • safomatetor 3 anos atrs

    Amem!
    Um salve pra galera que traduz jogos, porque muitos jogos eu conheci e curti muito porque eles eram pt-br, ou até mesmo aqueles que nem inglês tinha tradução e a galera do rom hacking salva a gente com suas habilidades nível máximo.

    Um jogo que recomendo muito para todos é o "for the frogthe bell tolls" (Kaeru no Tame ni Kane wa Naru) que saiu a tradução para inglês tem pouco tempo mas que é muito bom também.

  • Nossa, essa galera que se dedicou à tradução de jogos foram alguns dos responsáveis por eu ter jogado diversos dos melhores RPGs dos 16 bits.
    Acho que um dos maiores grupos foi o Dejap, eles traduziram o já citado Tales of Phantasia, Dragon Quest 3, 5 e 6 e Star Ocean, na época isso foi um feito e tanto.
    Recentemente eu peguei um RPG da Square, Live A Live, não tinha tradução pro inglês, o grupo Aeon Genesis fez um trabalho tão bom, que cada personagem do jogo tem uma fonte diferente, nem a versão japonesa do jogo tem isso!

  • Mais uma ótima coluna do Save State!

    Eu não conhecia isso de terem alterado algumas coisas da versão original de Chrono Trigger. Acho que vou baixar essa ROM para conferir.

  • Biostalker002 3 anos atrs

    Caramba, que maneiro, e trabalhoso também! Graças ao grupo Demiforce pude jogar o Final Fantasy II do NES e ao J2E, o FF4 completamente retraduzido.

  • Sou muito grato ao pessoal que fez essas traduções, graças a eles pude acompanhar e entender os 3 Final Fantasy de SNES, Chrono Trigger, Breath of Fire, entre outros jogos, não só RPG's

  • Caramba, eu tbm devo muito a grupos de tradução que me permitiram jogar vários RPGs clássicos em português ou inglês ao menos.
    Alguns que lembro de ter tido o prazer de rejogar só pela tradução foram o Chrono Trigger, Final Fantasy VI, V e Vagrant Story (em PT), Mother, Tales of Phantasia e Star Ocean (em inglês). Em praticamente todos esses a tradução capengava em algum ponto, mas não dá pra reclamar.^^

  • Cara não conheço muitas roms traduzidas do SNES mas com o PS1 o négocio é outro.Existem bastante RPGs e inclusive todos os Resident Evils foram traduzidos pelo MasterLuc.Fora as traduçoes de Final Fantasy,uma das melhores traduções que vi recentemente foi a de Breath of Fire 4, além de traduzir os caras praticamente fizeram um remake em HD do jogo, o projeto foi concluído ano passado, vou estar postando o link para download abaixo.

    ISO (3 partes de 199MB e 1 de 59,4MB)
    Parte 1: http://www.mediafire.com/download.php?4j5j17mlpd1
    Parte 2: http://www.mediafire.com/download.php?d8ky7h8lh63
    Parte 3: http://www.mediafire.com/download.php?jpa31yeb5w9
    Parte 4: http://www.mediafire.com/download.php?ccwfmq43qq3
    Para juntar as partes basta usar o 7-zip selecionar todas as partes e clicar em extrair aqui.
    vale a pena baixar o jogo esta em ótima qualidade.
    A senha para abrir os arquivos é : Denilson-Psxdownloads.us

    Se tiverem problemas cliquem nesse link : http://psxdownloads.us/breath-of-fire-4-portugues

  • LesmaPsicotica 3 anos atrs

    Eu me lembro que, quando mais novo, meu irmão me botou para jogar o Super Mario RPG: Legend of the Seven Stars com a ROM traduzida. Foi um choque para mim: eu não entendia inglês na época, e ver um jogo onde eu pudesse realmente saber o que diabos estava acontecendo na trama foi algo muito bom. E foi com esse game traduzido que eu comecei a gostar de RPGs e a expandir os meus horizontes em relação a gêneros de games.
    Esses tempos eu fui rejoga-lo, com a ROM traduzida, e percebi o quanto de gírias e piadas brasileiras existia na tradução.
    É engraçado ver que foi uma tradução de ROM que me fez gostar tanto de video-games como gosto hoje, e talvez foi por causa dele que eu conheço o Fênix Down XD.

    Muito bom texto Sr. Ogro :)

  • lucas 1 ano atrs

    Blz ja zerei a maioria, chrono trigger, final fantasy II, III, V, chrono trigger crinsom echoes. Tambem zerei Bahamut Lagoon, mas… ate hj procuro uma rom traduzida dele, ah e recomendo jogarem terranigma é um otimo jogo